Manual de perfis e políticas do Windows NT 4.0 (Parte 1 de 6)

Traduções de Artigos Traduções de Artigos
Artigo: 161334 - Ver produtos para os quais este artigo se aplica.
Este artigo foi publicado anteriormente em PT161334
Expandir tudo | Reduzir tudo

Sumário

Este artigo é o primeiro de uma série de artigos que fornecem informações e procedimentos para a implementação de perfis e políticas do Microsoft Windows NT 4.0, em estações de trabalho e servidores de clientes.

Para obter as outras secções deste manual, consulte o(s) seguinte(s) artigo(s) na base de dados de conhecimento da Microsoft (KB, Microsoft Knowledge Base):
185587 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 2 of 6
185588 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 3 of 6
185589 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 4 of 6
185591 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 6 of 6

Mais Informação

                   Sistema Operativo Windows NT Server
                             Documentação técnica
         Manual de perfis e políticas do Microsoft Windows NT 4.0

Copyright 1997 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.

As informações contidas neste documento representam a perspectiva actual da
Microsoft Corporation sobre os problemas discutidos à data de
publicação. Atendendo a que a Microsoft deve responder às alterações das condições do mercado,
não deve ser interpretado como um compromisso por parte da Microsoft,
e esta não pode garantir a exactidão de quaisquer informações apresentadas
após a data de publicação.

Estas informações técnicas são apenas para efeitos informativos. A MICROSOFT NÃO OFERECE QUAISQUER
GARANTIAS, EXPRESSAS OU IMPLÍCITAS, NESTE DOCUMENTO.

Microsoft, o logótipo BackOffice, MS-DOS, Windows, e Windows NT são
marcas registadas da Microsoft Corporation.

Quaisquer outros nomes de produtos ou empresas mencionados neste artigo, podem ser marcas registadas dos
respectivos proprietários.

Microsoft Corporation
One Microsoft Way
Redmond, WA 98052-6399
E.U.A.
0997

Resumo
========

Este manual fornece informações e procedimentos para a implementação de perfis e políticas do Microsoft
Windows NT 4.0, em estações de trabalho cliente e servidores. É apresentada uma caixa de diálogo
perfil de utilizador do Microsoft Windows NT 4.0 descreve a configuração do Windows NT
para um utilizador específico, incluindo o ambiente de utilizador e
as definições de preferências. Uma política de sistema é um conjunto de definições de registo que
definem os recursos do computador disponíveis para um grupo de utilizadores ou para um
indivíduo. Com a adição de políticas de sistema e da nova estrutura do perfil de utilizador
ao Windows NT 4.0, os administradores da rede têm uma maior capacidade
para controlar o ambiente de utilizador.
Este documento fornece os detalhes que os administradores necessitam de saber para
implementar novas versões de perfis de utilizador e políticas de sistema no Windows NT
4.0. Embora a ênfase principal seja o Windows NT, estas informações tratam também
o modo como os perfis de utilizador são processados com os clientes Windows 95 e o modo como
as duas plataformas diferem. Deve utilizar este manual juntamente com
a documentação e os Resource Kits do Windows NT 4.0.

ÍNDICE
========

Introdução
TCO e o utilizador
Perfis, políticas e o Zero Administration Kit
O que são perfis de utilizador e políticas de sistema?
Antes de começar
Terminologia chave
Notas técnicas
Estabelecimento de perfis de utilizador - Perspectiva geral
Criar e administrar perfis de utilizador
Estrutura do perfil de utilizador
Preferências de configuração armazenadas no ramo de registo
Preferências de configuração armazenadas nos directórios de perfil.
Diferenças entre o perfil de utilizador do Windows NT 4.0 e perfil de utilizador do Windows 95
Modo de tratamento dos perfis de utilizador no Windows 95
Planeamento e implementação do perfil de utilizador
Definir permissões para os perfis de utilizador
Codificar permissões no perfil de utilizador
Seleccionar uma localização para guardar os perfis de utilizador
Definir ligações persistentes
Resolver problemas de ligações de rede lentas
Criar e manter perfis de utilizador
Criar um novo perfil de utilizador guardado no servidor para o Windows NT 4.0
Criar um novo perfil de utilizador obrigatório para o Windows NT 4.0
Tornar obrigatório um perfil guardado no servidor no Windows NT 4.0
Alterar a capacidade do utilizador para modificar um perfil
Aplicar a utilização do perfil baseado num servidor
Criar um novo perfil de utilizador guardado no servidor para um utilizador do Windows 95
Criar um novo perfil de utilizador obrigatório para o Windows 95
Manter perfis de utilizador com as propriedades do sistema do painel de controlo
Eliminar perfis
Alterar o tipo de perfil de guardado no servidor para local
Determinar o perfil a apresentar
Copiar perfis
Visualizar o conteúdo do directório de perfis num computador local
Ficheiros de registo utilizados por perfis
Perfil partilhado 'All Users'
Perfis de modelo de utilizador predefinido
Nomes de perfil e armazenamento no registo
Administrar manualmente o perfil de utilizador através do registo
Modificar o perfil de utilizador predefinido
Actualizar perfis baseados no Windows NT 3.5x Server para perfis guardados no servidor do Windows NT 4.0
Perfis
Actualizar perfis obrigatórios do Windows NT 3.5x para perfis obrigatórios do Windows NT 4.0
Perfis
Extrair um perfil de utilizador para ser utilizado noutro domínio ou noutra máquina
Criar perfis sem ligações específicas do utilizador
Resolver problemas de perfis de utilizador com o ficheiro UserEnv.log
Política de sistema - Introdução
Ficheiros de política de sistema
Replicação da política
Modo de aplicação das políticas
Considerações adicionais de implementação
Editor de políticas do sistema ('System Policy Editor')
Instalar o editor de políticas do sistema num Windows NT Workstation
Instalar o editor de políticas do sistema num computador com o Windows 95
Actualização do registo com o editor de políticas do sistema
Ficheiros de modelo (.Adm) do editor de políticas do sistema
Configurar definições de política
Repor as predefinições dos caminhos de pasta
Criar uma política de sistema
Criar caminhos de pasta alternativos
Configurar atalhos para perfis baseados no servidor
Implementar políticas em máquinas com o Windows NT 4.0
Implementar políticas em máquinas com o Windows 95
Modificar definições de política em estações de trabalho autónomas
Criar um ficheiro .Adm personalizado
Configurar políticas de sistema com base na localização geográfica
Desmarcar a lista de documentos disponíveis
Criar tolerâncias a falhas para pastas partilhadas personalizadas
Chaves de registo modificadas pelos modelos predefinidos do editor de políticas do sistema
Definições do utilizador predefinido
Aplicação de ecrã do painel de controlo
Padrão de fundo
Esquema de cores
Comando de execução do menu 'Start'
Pastas de definições
Barra de tarefas de definições
Comando 'Find' do menu 'Start'
Ícones da unidade 'My Computer'
Ícone 'Network Neighborhood'
Apresentação de 'Network Neighborhood'
Conteúdo do grupo de trabalho 'Network Neighborhood'
Apresentação do ambiente de trabalho
Comando 'Shut Down' do menu 'Start'
Definições guardadas
Ferramentas de edição do registo
Restrições de aplicação do Windows
Programas personalizados
Ícones do ambiente de trabalho personalizados
Subpastas do menu 'Start'
Pasta de arranque personalizada
Vizinhança na rede personalizada
Menu 'Start' personalizado
Extensões da shell
Menu 'File' do explorador do Windows
Grupos de programas comuns do menu 'Start'
Menus de contexto da barra de tarefas
Menu de contexto do explorador do Windows
Ligações de rede
Menu de contexto do explorador do Windows
Autoexec.bat
Scripts de início de sessão
Task Manager
Sugestões de boas-vindas
Predefinições do computador
Actualização remota
Comunidades
Gestores permitidos
Traps para a comunidade pública
Comando de execução
Partilhas de unidade ? Estação de trabalho
Partilhas de unidade - Servidor
Thread de procura de impressoras
Agenda do servidor
Alarme sonoro de erro
Tentativas de autenticação
Limite de tempo de autenticação
Intervalo de chamada de retorno RAS
Desligar automaticamente RAS
Caminho da pasta de programas partilhados
Caminho dos ícones do ambiente de trabalho partilhado
Caminho do menu 'Start' partilhado
Caminho da pasta de arranque partilhado
Faixa de início de sessão
Botão 'Shut Down' da caixa de diálogo de início de sessão
Apresentação do nome de início de sessão
Scripts de início de sessão
Nomes de ficheiro longos
Caracteres expandidos em nomes de ficheiro tipo 8.3
Ficheiros 'Read Only' - Data/hora do último acesso
Perfis guardados no servidor na memória cache
Detecção de rede lenta
Tempo excedido em rede lenta
Limite de tempo da caixa de diálogo
Entradas de registo não incluídas no editor de políticas do sistema
Execução automática
Faixa de início
Apêndice B ? Implementação de perfis de utilizador
Perfil guardado no servidor existente do Windows NT 3.5x
Perfil guardado no servidor existente do Windows NT 3.5x
Migrar o perfil guardado no servidor do Windows NT 3.5x para o perfil guardado no servidor do Windows NT 4.0
armazenado centralmente.
Migrar o perfil obrigatório do Windows NT 3.5x para o perfil obrigatório do Windows NT 4.0
armazenado centralmente.
Migrar o perfil obrigatório Windows NT 3.5x para o perfil guardado no servidor do Windows NT 4.0
armazenado centralmente.
Criar um novo perfil guardado no servidor do Windows NT 4.0
Criar um novo perfil obrigatório do Windows NT 4.0
Actualizar e alterar um perfil guardado no servidor para um perfil obrigatório
Alterar um perfil guardado no servidor para um perfil obrigatório
Apêndice C ? Notas de utilização
Informações importantes para os administradores acerca de inícios de sessão do utilizador e
fins de sessão do utilizador
Actualizações recentes de perfis desde o lançamento de revenda
Actualizações recentes de políticas desde o lançamento de revenda
APÊNDICE D ? Artigos relacionados da base de dados de conhecimento (KB, <Formatting Type="I">Knowledge Base</Formatting>)
Perfis
Políticas

INTRODUÇÃO
============

Há poucos anos, os profissionais das tecnologias de informação enfrentaram
um sério desafio no que diz respeito ao controlo de custos crescentes da utilização de computadores mainframe. Parecia que
todos os empregados de escritório, escritores, programadores e administradores de sistema
tinham terminais e estavam a utilizar o sistema para todo o tipo de operações, do
processamento de números à redacção de cartas. As redes ficaram congestionadas e
os profissionais de TI foram encarregados de retirar "operações não essenciais"
do mainframe. Estes profissionais decidiram implementar computadores pessoais
nas empresas com software de emulação para terem acesso a mainframes e software local,
para tarefas em que o processamento central ou a partilha de dados não eram necessários.
Progressivamente, à medida que os PCs se tornaram mais poderosos, cada vez mais operações foram sendo movidas para o
ambiente de trabalho. E, à medida que o funcionamento em rede de PCs se foi estendendo, muitas empresas acharam que uma rede baseada em PCs,
construída com base em hardware e software disponível para instalação,
era a melhor solução.

Recentemente, contudo, esta solução esgotou-se. Aparentemente o custo total
de propriedade (ou TCO, <Formatting Type="I">Total Cost of Ownership</Formatting>), que representa o custo real de manutenção de uma rede
de computadores pessoais distribuída, está longe de ser baixo. O TCO inclui o custo
de capital inicial de hardware e software, despesas de implementação e configuração,
custos associados à implementação de actualizações de hardware e software,
formação e reciclagem, manutenção e administração diárias e
suporte técnico por telefone e no local. Tendo em conta estes custos crescentes,
a Microsoft e outras empresas estão a trabalhar em conjunto em várias iniciativas para
diminuir o custo total de propriedade de computadores pessoais.

TCO E O UTILIZADOR
================

Um dos maiores custos, realçados em relatórios recentes sobre o custo total de
propriedade, é a perda de produtividade no ambiente de trabalho, causada por erros do utilizador,
como, por exemplo, alterar a configuração do sistema e tornar o computador
inutilizável, ou distracções e complexidades do sistema, como, por exemplo, demasiadas
funcionalidades ou aplicações desnecessárias instaladas no ambiente de trabalho. Para resolver
estes problemas, os administradores do sistema necessitam de meios para controlar o acesso
dos utilizadores aos principais ficheiros de configuração e a funcionalidades e aplicações que
não são necessárias para a execução de um determinado trabalho. Para terem êxito, estes
meios de controlo devem ser flexíveis e personalizáveis: o administrador
do sistema deve ser capaz de controlar as configurações do computador de
indivíduos e grupos de utilizadores, com base nas tarefas do utilizador e
na capacidade do mesmo de utilizar o computador.

PERFIS, POLÍTICAS E O ZERO ADMINISTRATION KIT
===================================================

O ZAK (<Formatting Type="I">Zero Administration Kit</Formatting>) para o sistema operativo Microsoft Windows NT versão 4.0
foi concebido para auxiliar o administrador da empresa a resolver
alguns dos problemas que possam surgir das operações efectuadas pelo utilizador. O ZAK consiste num conjunto de
metodologias de implementação do Microsoft Windows NT 4.0, que reduzem substancialmente
a carga da gestão de ambientes de trabalho individuais para trabalhadores baseados em tarefas. Com o
ZAK, os administradores do sistema podem estabelecer perfis de utilizador, políticas de sistema
e segurança para reduzir alguns dos custos administrativos associados à
gestão de utilizadores finais na rede de uma empresa.

As metodologias do ZAK baseiam-se nas tecnologias e
nas capacidades subjacentes do Windows NT 4.0, pelo que podem ser rapidamente
adaptadas para acomodar os requisitos informáticos específicos de uma empresa.
Num futuro próximo, irão surgir funcionalidades adicionais capazes de reduzir o TCO
no Microsoft Windows 98, Windows NT 5.0 e Microsoft Systems Management
Server. Fundamental para estas funcionalidades é a ideia de um controlo do ambiente de trabalho
centralizado. Isto é levado a cabo através dos perfis de utilizador e políticas de sistema,
que são tratados neste documento.

O QUE SÃO PERFIS DE UTILIZADOR E POLÍTICAS DE SISTEMA?
===========================================

Um perfil de utilizador do Microsoft Windows NT 4.0 descreve a configuração do Windows NT
para um utilizador específico, incluindo o ambiente de utilizador e
as definições de preferências. Por exemplo, essas definições e opções de configuração
específicas do utilizador, tais como, aplicações instaladas, ícones do ambiente de trabalho, opções
de cor, etc., estão contidas num perfil de utilizador. Este perfil é
construído, por um lado, a partir de informações da política de sistema (por exemplo, elementos
aos quais o utilizador tem acesso e aqueles que o utilizador pode e não pode
alterar) e, por outro lado, a partir de alterações permitidas e guardadas, que um utilizador efectua para
personalizar o ambiente de trabalho.

Uma política de sistema é um conjunto de definições de registo que definem
os recursos de um computador disponíveis para um grupo de utilizadores ou para um indivíduo.
As políticas definem as várias facetas do ambiente de trabalho que
um administrador de sistema necessita de controlar como, por exemplo, as aplicações que se encontram
disponíveis, as aplicações que aparecem no ambiente de trabalho do utilizador, as
aplicações e opções que aparecem no menu 'Start', quem tem capacidade ou não para alterar
os atributos dos ambientes de trabalho, etc.
Com a adição de políticas de sistema e da nova estrutura do perfil de utilizador ao
Windows NT 4.0, os administradores de rede têm actualmente uma maior capacidade para controlar
o ambiente de utilizador. Muitos dos pedidos
que os clientes apresentaram, incluindo o fornecimento de mais opções de controlo
do ambiente de trabalho do utilizador, acessibilidade a aplicações e a ferramentas do sistema,
redução da sobrecarga administrativa e melhoramentos de escalabilidade, foram
adicionados. E, tal como em todas as edições, a Microsoft encoraja os comentários
do cliente sobre os melhoramentos introduzidos no sistema operativo do Windows NT.

Este documento fornece os detalhes de que os administradores necessitam para implementar
perfis de utilizador e políticas do sistema no Windows NT 4.0.
Embora a ênfase principal seja o Windows NT, este documento trata também
o modo como os perfis de utilizador são processados com os clientes Windows 95, e as diferenças
entre as duas plataformas.

ANTES DE COMEÇAR
================

Antes de continuar com este documento, recomendamos que leia os capítulos
3 e 4 do 'Concepts and Planning Guide' do Windows NT 4.0. Além disso,
deve familiarizar-se com os termos e conceitos que se seguem.

TERMINOLOGIA CHAVE
===============

Replicação de directório
A cópia de um conjunto principal de directórios a partir de um servidor (designado por
servidor de exportação) para servidores ou estações de trabalho específicos (designados por computadores de
importação), nos mesmos ou noutros domínios. A replicação simplifica a tarefa
de manutenção de conjuntos idênticos de directórios e ficheiros em vários
computadores, uma vez que só é mantida uma cópia principal dos dados.
Os ficheiros são replicados quando são adicionados a um directório de exportação e sempre que
uma alteração é guardada num dos ficheiros exportados.

Estrutura de domínio
No Windows NT, um domínio é um conjunto de computadores definido pelo
administrador de uma rede do Windows NT Server, que partilha uma base de dados
database. Um domínio fornece acesso às contas de utilizador e contas de grupo
centralizadas, mantidas pelo administrador de domínio. Cada domínio tem um
nome exclusivo.

Directório raiz
Um directório raiz é um directório acessível ao utilizador e
contém ficheiros e programas para esse utilizador. Um directório raiz pode ser
atribuído a um único utilizador ou a um grupo de utilizadores.

Perfil local
Um perfil local é específico de um computador. Um utilizador que tenha um perfil local
num determinado computador, pode obter acesso a esse perfil apenas quando tem
sessão iniciada nesse computador.

Perfil obrigatório
Um perfil obrigatório é um perfil guardado no servidor pré-configurado e que o utilizador
não pode alterar. Na maior parte dos casos, são atribuídos a uma pessoa ou a um grupo de
pessoas para quem uma interface comum e uma configuração padrão são necessárias.

Serviço Netlogon
Para o Windows NT Server, o serviço Netlogon autentica os inícios de sessão de domínio
e mantém a base de dados do directório de domínio sincronizada entre o controlador
de domínio principal (PDC, 'Primary Domain Controller') e os controladores de domínio secundários (BDCs, 'Backup Domain Controllers').

Regedt32.exe
Versão de 32 bits do editor de registo.

Registo
O registo é uma base de dados onde as informações sobre a configuração interna
do Windows NT, bem como as definições específicas do computador ou do utilizador, são armazenadas.

Ramo de registo
Um ramo é uma secção do registo que é guardada como ficheiro. A subárvore
do registo é dividida em ramos (assim designados devido à sua semelhança com a estrutura
de uma árvore). Um ramo é um corpo discreto de chaves, subchaves e
valores.

Perfil guardado no servidor
Um perfil guardado no servidor é armazenado numa partilha de rede e pode ser acedido a partir
de qualquer computador. Um utilizador que tenha um perfil guardado no servidor pode iniciar sessão em qualquer computador
para o qual esse perfil seja válido e aceder ao perfil. (Repare que um
perfil só é válido na plataforma para a qual foi criado, por
exemplo, um perfil do Windows NT 4.0 não pode ser utilizado num computador com
o Windows 95.)

Utilizador móvel
Um utilizador móvel é um utilizador que inicia sessão na rede, a partir de computadores
diferentes e em alturas diferentes. Este tipo de utilizador pode utilizar um lugar público ou pode
partilhar um banco de computadores com outros utilizadores. Um utilizador móvel armazena o perfil
de utilizador numa partilha de rede e pode iniciar sessão em qualquer computador
ligado em rede e aceder a esse perfil.

Política de sistema
Uma política de sistema é um conjunto de definições de registo que definem
os recursos de um computador disponíveis para um grupo de utilizadores ou para um indivíduo. Pode
criar políticas de sistema com o editor de políticas do sistema. As políticas de sistema
permitem
a um administrador controlar os ambientes de trabalho e as acções do utilizador e
impor configurações de sistema.

%systemroot%
Variável de ambiente que é expandida para se tornar no directório raiz,
que contém ficheiros do Windows NT. O nome do directório é especificado quando o Windows
NT é instalado (normalmente, este nome do directório é c:\winnt).

%systemroot%\profiles
Pasta no directório raiz que contém os perfis de utilizador para cada
utilizador do computador.

%nome_de_utilizador%
Variável de ambiente que é expandida para se tornar no ID da conta do utilizador para o
utilizador com sessão iniciada actualmente. Isto identifica a conta do utilizador para o Windows NT.

NOTAS TÉCNICAS
===============

Várias partes deste manual referem-se às localizações de registo, que permitem
a alteração de determinados comportamentos do Windows NT, bem como a modificação de definições. Por este
motivo, foi incluído o aviso que se segue.

Atenção:
A utilização incorrecta do editor de registo pode causar problemas globais do sistema que,
para serem resolvidos, podem necessitar da instalação do Windows NT. A Microsoft não
garante que os problemas resultantes da utilização do editor de registo possam
ser resolvidos. Além disso, partes deste manual referem-se ao ramo de registo
designado por NTuser.xxx. Em casos em que isto é utilizado, .xxx pode ser substituído
por .dat ou .man.

ESTABELECIMENTO DE PERFIS DE UTILIZADOR ? PERSPECTIVA GERAL
========================================

Um perfil de utilizador do Microsoft Windows NT 4.0 descreve a configuração do Windows NT
para um utilizador específico, incluindo o ambiente de utilizador e
as definições de preferências. Um perfil de utilizador pode ser local, guardado no servidor ou obrigatório. É apresentada uma caixa de diálogo
perfil local é específico de um determinado computador. Um utilizador que cria um perfil
local, num determinado computador, pode obter acesso a esse perfil apenas
quando tem sessão iniciada nesse computador. Em contrapartida, um perfil guardado no servidor é armazenado
numa partilha de rede e pode ser acedido a partir de qualquer computador ligado à rede. Um utilizador
que tenha um perfil guardado no servidor pode iniciar sessão em qualquer computador ligado em rede para o qual
esse perfil seja válido e aceder ao perfil. Um perfil obrigatório é um
perfil guardado no servidor pré-configurado e que o utilizador não pode alterar. Como administrador
do sistema, pode ter de utilizar perfis obrigatórios para um grupo de
pessoas que requerem uma interface comum e uma configuração padrão.

Um dos objectivos principais dos perfis de utilizador é permitir que o sistema do utilizador e
as personalizações do ambiente de trabalho viajem com o utilizador, de computador para computador,
sem ser necessário o utilizador reconfigurar quaisquer definições. Quando um utilizador inicia sessão
em qualquer computador que suporte o perfil guardado no servidor, é apresentado o ambiente de trabalho,
tal como o utilizador o deixou da última vez que terminou a sessão. Com o
suporte de utilizador móvel, os utilizadores podem partilhar computadores, embora cada um tenha o seu
próprio ambiente de trabalho em qualquer computador na rede (o perfil guardado no servidor e
o perfil obrigatório suportam esta funcionalidade).

CRIAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE PERFIS DE UTILIZADOR
========================================

Os perfis de utilizador podem ser criados e administrados de várias formas diferentes, as quais serão
descritas a seguir. Repare que, como administrador do sistema, pode determinar
se os utilizadores podem ou não modificar os perfis.

 - Cria um perfil de utilizador, que não seja modificável, para um utilizador ou grupo
   específicos (isto é um perfil obrigatório).

 - Estabelece um perfil de utilizador predefinido de rede, que seja aplicável a todos os novos
   utilizadores de computadores com o Windows NT 4.0. Depois de transferir este perfil
   predefinido e de iniciar a sessão, o utilizador pode personalizar o perfil (desde que
   não seja obrigatório).

 - Permite que um novo utilizador utilize o perfil de utilizador predefinido local no
   computador com o Windows NT 4.0 no qual o utilizador inicia a sessão. Depois de iniciar a sessão, o
   utilizador pode personalizar o perfil (desde que não seja obrigatório).

 - Copia um modelo de perfil de utilizador e atribui a cópia a um utilizador. O parâmetro
   utilizador pode então personalizar o perfil (desde que não seja um
   perfil obrigatório).

Os perfis podem ser armazenados num servidor de rede ou guardados na memória cache na máquina local.
(Os perfis na cache estão localizados no directório \%systemroot%\Profiles.)
A colocação de um perfil na cache reduz o tempo total para iniciar a sessão e transferir o perfil;
no entanto, num ambiente de utilizador móvel ou de lugar público, esta abordagem pode não ser
a ideal. Esta opção é controlada pelo administrador.

ESTRUTURA DO PERFIL DE UTILIZADOR
======================

Um perfil de utilizador é constituído por um ramo de registo do Windows NT e por um conjunto de
directórios de perfil. O registo é uma base de dados utilizada para armazenar definições específicas da
máquina e do utilizador e partes do registo podem ser guardadas como
ficheiros, designados por ramos. Estes ramos podem então ser recarregados para utilização,
sempre que for necessário. Os perfis de utilizador tiram partido da funcionalidade de ramo para fornecer a
funcionalidade de perfil guardado no servidor.

O ramo de registo do perfil de utilizador é NTuser.dat, no formato de ficheiro, e é
mapeado para a parte do registo HKEY_CURRENT_USER, quando o utilizador inicia
a sessão. O ramo NTuser.dat mantém as preferências do ambiente de trabalho do utilizador quando
este inicia a sessão. Armazena as definições que mantêm as ligações
de rede, as configurações do painel de controlo exclusivas do utilizador (como, por exemplo,
a cor do ambiente de trabalho e o rato) e as definições específicas de aplicações. A série de directórios
de perfis armazena ligações de atalhos, ícones do ambiente de trabalho, aplicações
de arranque, etc. Em conjunto, estes dois componentes registam todas as
definições configuráveis que podem migrar de um computador para outro.
Os detalhes são fornecidos abaixo.

PREFERÊNCIAS DE CONFIGURAÇÃO ARMAZENADAS NO RAMO DE REGISTO
=====================================================

O ficheiro Ntuser.dat contém as definições de configuração que se seguem.

 - Definições do Windows NT Explorer. Todas as definições configuráveis pelo utilizador para o Windows
   NT Explorer, bem como ligações persistentes à rede.

 - Barra de tarefas. Todos os grupos de programas pessoais e respectivas propriedades, todos os itens
   de programas e respectivas propriedades e todas as definições da barra de tarefas.

 - Definições da impressora. Todas as ligações a impressoras de rede.

 - Painel de controlo. Todas as definições configuráveis pelo utilizador, efectuadas no painel de controlo.

 - Acessórios. Todas as definições de aplicações específicas do utilizador que afectam o
   ambiente do Windows NT, incluindo: calculadora, relógio, bloco de notas, Paint e
   Hyperterminal, entre outros.

 - Marcadores de ajuda. Quaisquer marcadores colocados no sistema de ajuda do Windows NT.
   Preferências de configuração armazenadas nos directórios de perfil.
   Os directórios de perfil são concebidos para conter as definições
   de configuração que se seguem.

 - Dados da aplicação. Dados específicos de aplicações como, por exemplo, um dicionário
   personalizado para um programa de processamento de texto. Os fornecedores das aplicações decidem quais
   os dados que devem ser armazenados neste directório.

 - Ambiente de trabalho. Itens do ambiente de trabalho, incluindo ficheiros e atalhos.

 - Favoritos. Atalhos para os itens dos programas e localizações favoritas.

 - NetHood.* Atalhos para os itens da vizinhança na rede.

 - Pessoal. Atalhos para itens de programas. Também um arquivo central para quaisquer
   documentos criados pelo utilizador. As aplicações devem ser escritas para guardar
   ficheiros nesta localização por predefinição.

 - PrintHood.* Atalhos para itens da pasta de impressora.

 - Recente. Atalhos para os itens utilizados mais recentemente.

 - SendTo. Atalhos para localizações e aplicações de armazenamento de documentos.

 - Menu 'Start'. Atalhos para itens de programas.

 - Modelos.* Atalhos para itens modelo.

   * Estes directórios estão ocultos por predefinição. Para visualizar estes directórios,
   altere as opções de visualização.

WINDOWS NT 4.0 E WINDOWS 95 ? DIFERENÇAS DO PERFIL DE UTILIZADOR
========================================================

Embora existam algumas diferenças, os perfis do Windows 95 assemelham-se muito aos perfis do Windows NT 4.0
no que diz respeito ao comportamento.

Ao contrário do Windows NT 4.0, o Windows 95 transfere e escreve perfis de utilizador no
directório raiz do utilizador. Quando o utilizador do Windows 95 inicia a sessão, o caminho
UNC, especificado no caminho do directório raiz da conta do utilizador, é verificado para
o perfil de utilizador do Windows 95. Pode, no entanto, modificar este comportamento. Consulte
o Windows 95 Resource Kit para obter mais informações. Os perfis de utilizador do Windows 95 e do Windows
NT 4.0 têm ainda as seguintes diferenças funcionais:

 - O Windows 95 não suporta grupos comuns.

 - O Windows 95 pode ser configurado para copiar apenas o atalho (.lnk) e
   os ficheiros de informações do programa (.pif) quando o perfil de utilizador é transferido,
   enquanto o Windows NT transfere todos os objectos de ficheiro, de atalho e de directório.

 - Os perfis de utilizador do Windows 95 não suportam um perfil de utilizador predefinido
   armazenado centralmente.

 - O Windows 95 utiliza ficheiros diferentes para a parte do registo dos perfis
   de utilizador. (Consulte a tabela seguinte.) Windows 95 e Windows NT 4.0
   não são permutáveis, principalmente porque o ramo de registo,
   que é um componente chave do perfil de utilizador, é incompatível entre
   as versões do sistema operativo.

   Ficheiro do Windows NT 4.0   Ficheiro equivalente do Windows 95
   ---------------------------------------------------------------
   Ntuser.dat                   User.dat
   Ntuser.dat.log               User.da0
   Ntuser.man                   User.man

NOTA: O ficheiro User.da0 do Windows 95 e o ficheiro Ntuser.dat.log do Windows NT 4.0, apesar de
equivalentes, fornecem uma funcionalidade ligeiramente diferente. O Windows 95 grava uma
cópia do User.dat no User.da0 sempre que o utilizador termina a sessão. O Windows NT utiliza
o ficheiro Ntuser.dat.log como um ficheiro de registo de transacções. Isto permite tolerância
a falhas na eventualidade de recuperação de um perfil de utilizador.

As estruturas dos ficheiros do Windows 95 e do Windows NT 4.0 são idênticas,
à excepção do directório de dados da aplicação. O Windows 95 não suporta
este directório.

Os perfis de utilizador do Windows 95 podem ser armazenados em servidores NetWare. Para obter mais
informações sobre como configurar um cliente com 'Iniciar primeiro sessão na rede' do
'Cliente para redes NetWare', consulte o capítulo "Windows 95 on NetWare Networks" no
Windows 95 Resource Kit. Para obter mais informações sobre como configurar um cliente
que utiliza os serviços da Microsoft para os serviços de directório NetWare, consulte a ajuda
online, que acompanha o serviço.
				

Propriedades

Artigo: 161334 - Última revisão: 9 de agosto de 2007 - Revisão: 3.1
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Windows NT Server 4.0 Standard Edition
  • Microsoft Windows NT Workstation 4.0 Developer Edition
  • Microsoft Windows 95
Palavras-chave: 
kbinfo kbinterop kbenv KB161334

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com