ACC2000: Como resolver problemas de falhas de página inválida no Microsoft Access 2000

Traduções de Artigos Traduções de Artigos
Artigo: 208488 - Ver produtos para os quais este artigo se aplica.
Este artigo foi publicado anteriormente em PT208488
Este artigo foi arquivado. Este artigo é oferecido "tal como está" e deixará de ser actualizado.
Principiante: Requer conhecimentos da interface de utilizador em computadores individuais.

Este artigo aplica-se a uma base de dados do Microsoft Access (.mdb) e a um projecto do Microsoft Access (.adp).

Expandir tudo | Reduzir tudo

Nesta página

Sumário

Este artigo debate as causas de falhas de página inválida no Microsoft Access 2000 e fornece passos de resolução de problemas com vista a solucionar erros de falhas de página inválida.

Mais Informação

Existem duas causas básicas na origem de uma falha de página inválida no ambiente do Windows 95/98:
  • Ocorreu algo de inesperado no ambiente do Windows; normalmente, trata-se de um endereço de memória incorrecto. Por exemplo, um programa ou um componente do Windows poderá ler ou escrever numa localização de memória que não lhe tenha sido atribuída (memória que não possui), substituindo ou danificando o código de outro programa que estivesse localizado nessa área de memória.
  • Foram passados parâmetros inválidos entre os programas e o ambiente do Windows. Os parâmetros inválidos podem levar à execução de instruções inválidas, originando falhas de página. Normalmente, esta situação resulta do facto de o código de programação interno do programa passar incorrectamente dados específicos que não poderiam ser interpretados correctamente pelo Windows ou por um programa baseado no Windows.
Visto que estas causas são gerais, poderá ter de experimentar vários passos de resolução de problemas para identificar a causa específica de uma falha de página inválida no Microsoft Access. Pode começar por investigar os seguintes problemas relacionados com o programa:
  • Um erro (bug) confirmado no Microsoft Access
  • Uma base de dados fragmentada ou danificada
  • Uma base de dados danificada
  • Definições incorrectas no registo
  • Falta de correspondência entre bibliotecas de ligação dinâmica (DLLs)
Se determinar que a causa não é nenhuma das apresentadas acima, poderá investigar os seguintes problemas relacionados com o sistema:
  • Um conflito de memória
  • Um problema na pasta (directório) Temp
  • Um problema do controlador e definições de vídeo
  • Um problema do controlador e definições da impressora
  • Definições de memória virtual incorrectas
  • Definições do sistema de ficheiros incorrectas
  • Fragmentação ou erros no disco rígido
Estes problemas relacionados com o programa e o sistema, bem como os passos para a respectiva resolução, encontram-se explicados mais detalhadamente abaixo.

Problemas relacionados com o programa

Erro confirmado no Microsoft Access

Ocasionalmente, a falha de página inválida é provocada por um erro de um programa.

É possível obter mais informações sobre problemas conhecidos do Microsoft Access que poderão causar falhas de página inválida efectuando uma procura com as seguintes palavras na Microsoft Knowledge Base:
falha de página 2000

Base de dados fragmentada ou danificada

Quando receber uma falha de página inválida no Microsoft Access, deverá executar o comando Compactar e reparar a base de dados para corrigir os potenciais problemas causados pelos danos registados ao nível da estrutura ou dos dados da base de dados actual. Se o comportamento de uma base de dados se tornar imprevisível ou se o respectivo desempenho diminuir ao longo do tempo, é possível que a base de dados não esteja a utilizar o espaço em disco com eficácia porque está fragmentada. Execute o comando Compactar e reparar a base de dados para desfragmentar e reparar a base de dados.

Para executar o comando Compactar e reparar a base de dados:
  1. Feche a base de dados. Se se encontrar num ambiente multi-utilizador, confirme se todos os utilizadores fecharam a base de dados.
  2. Efectue uma cópia de segurança da base de dados. Utilizando o Explorador do Windows, O meu computador, o suporte Microsoft para cópias de segurança, os comandos COPY ou BACKUP do MS-DOS ou outro software de cópia de segurança, copie o ficheiro de base de dados (um ficheiro *.mdb) para um suporte de cópia de segurança.

    NOTA: Se estiver a efectuar a cópia de segurança para uma disquete e o ficheiro de base de dados exceder a capacidade da disquete, não poderá utilizar o Explorador do Windows nem O meu computador para efectuar a cópia de segurança da base de dados; terá de utilizar o suporte Microsoft para cópias de segurança, o comando BACKUP do MS-DOS ou o software de cópia de segurança para conseguir copiar o ficheiro para mais do que uma disquete.

    Também deverá criar uma cópia de segurança do ficheiro de informações do grupo de trabalho. O Microsoft Access armazena as preferências de cada utilizador, bem como as informações da conta de segurança, neste ficheiro. Se este ficheiro for perdido ou ficar danificado, não conseguirá iniciar o Microsoft Access até restaurar ou reconstruir este ficheiro.

    Pode efectuar uma cópia de segurança de objectos individuais da base de dados criando uma base de dados vazia e, em seguida, importando os objectos pretendidos a partir da base de dados original.
  3. No menu Ferramentas, aponte para Utilitários de base de dados e, em seguida, clique em Compactar e reparar a base de dados.
  4. Especifique o nome e a localização da base de dados que pretende reparar. Clique em Compactar. Na caixa Nome do ficheiro, escreva o nome da base de dados e, em seguida, clique em Guardar.

    NOTA: Pode utilizar o mesmo nome do ficheiro original para o ficheiro de base de dados compactado ou pode utilizar outro nome para criar um ficheiro separado. Se utilizar o mesmo nome, unidade e pasta e a base de dados for compactada com êxito, o Microsoft Access substituirá automaticamente o ficheiro original pela versão compactada.
NOTA: Depois de executar o comando Compactar e reparar a base de dados, se a base de dados tiver um comportamento imprevisível ou se for indicada uma falha de página inválida (imediatamente ou após utilização continuada), experimente os passos de resolução de problemas adicionais descritos neste artigo para identificar a causa da falha da página.

Base de dados danificada

Se o comando Compactar e reparar a base de dados não resolver comportamentos imprevisíveis ou falhas de página inválida relacionadas com o programa, poderá tentar criar uma nova base de dados, importar os objectos da base de dados antiga e compilar todos os módulos na nova base de dados.

NOTA: Este método não é recomendado se a base de dados for uma réplica existente num conjunto de réplicas. Se a réplica estiver danificada, deverá criar uma nova réplica a partir da réplica da estrutura global.

Para criar uma nova base de dados, siga estes passos:

  1. Crie uma nova base de dados do Microsoft Access 2000.
  2. No menu Ficheiro, clique em Obter dados externos e, em seguida, clique em Importar.
  3. Na caixa de diálogo Importar, seleccione Microsoft Access (.mdb) na caixa Ficheiros do tipo.
  4. Na caixa Procurar em, seleccione a unidade e a pasta onde está localizada a base de dados do Microsoft Access (.mdb) que pretende importar e, em seguida, clique duas vezes no ícone da base de dados.
  5. Na caixa de diálogo Importar objectos, clique num ou mais objectos a importar. Convém seleccionar apenas alguns objectos de cada vez, visto que assim será mais fácil identificar eventuais objectos danificados.
  6. Clique em OK para importar os objectos seleccionados. Se um objecto gerar um erro durante a respectiva importação, é provável que esteja danificado e que a sua reparação seja impossível. Terá de importar esse objecto a partir de uma cópia de segurança da base de dados ou de o criar novamente.
  7. Repita os passos 2 a 6 até que todos os objectos sejam importados para a nova base de dados.
  8. Compile todos os módulos importados na nova base de dados. Para o fazer, siga estes passos:
    1. Na janela Base de dados, clique no separador Módulos.
    2. Seleccione um módulo e, em seguida, clique em Estrutura.
    3. No menu Debug, clique em Compile nome_da_base_de_dados .
  9. Feche a nova base de dados e o Microsoft Access.
NOTA: Se a base de dados original tiver referências a bases de dados de bibliotecas ou a bibliotecas de tipos, anote essas referências. Em seguida, na base de dados nova, utilize o comando References (na vista Estrutura de um módulo) para adicionar as mesmas referências da base de dados original.

Da próxima vez que executar o Microsoft Access e abrir esta base de dados nova, não deverá detectar problemas de comportamento imprevisível ou de falhas de página relacionadas com o programa, partindo do princípio de que a causa residia numa base de dados danificada ou fragmentada. Se continuar a detectar problemas na base de dados, experimente os outros passos de resolução de problemas descritos neste artigo para identificar a causa do problema.

Definições incorrectas no registo

Se a causa de uma falha de página inválida ou de um comportamento imprevisível do Microsoft Access estiver relacionada com o programa, poderá resultar da existência de definições incorrectas no registo do Microsoft Windows. Poderá repor ou reconstruir as definições do registo relativas ao Microsoft Access seguindo estes passos:
  1. Clique em Iniciar e, em seguida, aponte para Definições. No submenu Definições, clique em Painel de controlo.
  2. Na janela Painel de controlo, clique duas vezes em Adicionar/remover programas.
  3. Na lista de programas apresentada, clique em Microsoft Office 2000 e, em seguida, clique em Adicionar/remover. Em seguida, será apresentada a janela Modo de manutenção do Microsoft Office 2000.
  4. Na janela Modo de manutenção do Microsoft Office 2000, clique em Reparar o Office e, depois, siga as instruções para reinstalar o Microsoft Office.

Falta de correspondência entre DLLs

Outra causa na origem de falhas de páginas inválidas é a falta de correspondência entre bibliotecas de ligação dinâmica (DLL) existentes no sistema Windows. Neste caso, o ficheiro de biblioteca listado na mensagem de erro corresponde, muitas vezes, a uma versão incorrecta do Microsoft Access; por exemplo:
MSACCESS causou um erro de página inválida em nome .dll
Por vezes, este problema de falta de correspondência entre DLLs poderá ocorrer se um dos programas que se seguem estiver instalado no computador quando configurar o Microsoft Access ou o Microsoft Office:
  • Microsoft Visual Basic versão 4.0 com Visual SourceSafe (apenas na Enterprise Edition)
  • Microsoft Visual Basic versão 4.0 (Standard ou Professional Edition)
  • Microsoft Office Standard para Windows 95
Para resolver o problema da falta de correspondência entre DLLs, siga estes passos:

  1. Inicie o Explorador do Windows e, em seguida, localize a pasta \Windows\System. Procure o ficheiro de biblioteca listado na mensagem de erro de falha de página e, em seguida, mude o nome do ficheiro de biblioteca para um nome exclusivo.
  2. Desinstale o Microsoft Access ou o Microsoft Office, bem como qualquer um dos programas listados acima que tenha instalado neste computador quando recebeu a mensagem de erro. Para o fazer, siga estes passos:
    1. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Painel de controlo.
    2. No Painel de controlo, clique duas vezes em Adicionar/remover programas.
    3. Na caixa de diálogo Propriedades de 'Adicionar/remover programas', seleccione o programa a instalar e, em seguida, clique em Adicionar/remover.
    4. Siga as instruções para remover a totalidade do programa.
    NOTA: Se tiver o Microsoft Visual Basic com o Visual SourceSafe instalado, não necessitará de desinstalar o programa Visual Basic. Em vez disso, bastará remover o componente SourceSafe.

  3. : Se tiver o Microsoft Visual Basic com o Visual SourceSafe instalado, não necessitará de desinstalar o programa Visual Basic. Em vez disso, bastará remover o componente SourceSafe. Reinstale o Microsoft Access e/ou o Microsoft Office seguindo estes passos.

    NOTA: Certifique-se de que instala o Microsoft Access em primeiro lugar e o Microsoft Office depois quando reinstalar os dois programas. Esta ordem de configuração é importante para evitar o problema de falta de correspondência entre ficheiros DLL no sistema.
    1. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Painel de controlo.
    2. No Painel de controlo, clique duas vezes em Adicionar/remover programas.
    3. Na caixa de diálogo Propriedades de 'Adicionar/remover programas', clique em Instalar.
    4. Siga as instruções apresentadas para instalar o programa no computador.
  4. : Se tiver o Microsoft Visual Basic com o Visual SourceSafe instalado, não necessitará de desinstalar o programa Visual Basic. Em vez disso, bastará remover o componente SourceSafe. Caso tenha removido o Microsoft Visual SourceSafe, poderá repetir o passo 2 para reinstalar o componente SourceSafe do Visual Basic (Enterprise Edition).
  5. : Se tiver o Microsoft Visual Basic com o Visual SourceSafe instalado, não necessitará de desinstalar o programa Visual Basic. Em vez disso, bastará remover o componente SourceSafe. Caso tenha removido a totalidade do Visual Basic, poderá reinstalar o programa mediante a repetição do passo 3.
  6. : Se tiver o Microsoft Visual Basic com o Visual SourceSafe instalado, não necessitará de desinstalar o programa Visual Basic. Em vez disso, bastará remover o componente SourceSafe. Se removeu o Microsoft Office Standard para Windows 95, poderá reinstalar o programa repetindo o passo 3.
Se continuar a receber falhas de página inválida depois de investigar as causas relacionadas com o programa, tente proceder à resolução dos problemas relacionados com o sistema, que são descritos abaixo.

Problemas relacionados com o sistema

Esta secção descreve as causas relacionadas com o sistema relativas às falhas de página inválida nos sistemas operativos Windows 95 e 98. Se executar o Microsoft Access no Windows NT, muitos dos conceitos de resolução de problemas abrangidos nesta secção continuarão a ser aplicáveis. No entanto, as instruções passo a passo relativas à implementação das soluções poderão ser diferentes. Consulte a documentação do Windows NT para obter mais informações sobre como resolver estas causas relacionadas com o sistema.

Conflito de memória

Uma causa comum das falhas de página inválida reside num conflito de memória que envolve um controlador de dispositivo, programas TSR, um componente do sistema ou outro ficheiro carregado. Para resolver um conflito de memória, o primeiro passo consiste em reiniciar o Windows 95 ou 98 no Modo de segurança.

O modo de segurança ignora os ficheiros de arranque, incluindo o registo, os ficheiros Config.sys e Autoexec.bat e as secções [Boot] e [386Enh] do ficheiro System.ini, permitindo aceder aos ficheiros de configuração do Windows. Só são carregados ficheiros de sistema e controladores de dispositivo essenciais (tais como o controlador do rato, do teclado e o controlador VGA padrão). Este factor torna o Modo de segurança útil para isolar e resolver conflitos de memória.

Para reiniciar o Windows 95 ou 98 em modo de segurança:
  1. Reinicie o computador. Quando a mensagem A iniciar o Windows 95/98 for apresentada, prima a tecla F8.
  2. Seleccione a opção Modo de segurança no menu de arranque (ou prima F5).
  3. Reinicie o Microsoft Access e, em seguida, tente reproduzir a falha de página inválida.

    Caso não consiga reproduzir a falha de página inválida, tal dever-se-á, muito provavelmente, a um problema relacionado com o sistema. Para isolar a causa específica, reinicie o computador e leve a cabo os comandos de arranque linha a linha. Para mais informações sobre esta técnica, procure as expressões "passo a passo" e, em seguida, "percorrer os comandos de arranque linha a linha" através da opção Localizar nos tópicos da ajuda do Windows 95/98. Se conseguir reproduzir a falha de página inválida no modo de segurança, poderá experimentar os outros passos de resolução de problemas descritos neste artigo. Também pode tentar reiniciar o computador.
Para obter informações adicionais sobre como reiniciar o Windows 95, clique no número de artigo existente abaixo para visualizar o artigo na Microsoft Knowledge Base:
136337 Troubleshooting Windows 95 Startup Problems and Error Messages
Para obter informações adicionais sobre os ficheiros que são carregados quando o Windows 95 é iniciado no modo de segurança, clique nos números de artigo existentes abaixo para visualizar os artigos na Microsoft Knowledge Base:
122051 How Windows 95 Performs a Safe-Mode Start

Problema na pasta Temp

Por vezes, o Microsoft Access poderá evidenciar um comportamento inesperado quando não existe espaço suficiente no disco para ficheiros temporários. Deverá remover periodicamente todos os ficheiros temporários que permaneçam no sistema. Certifique-se também de que tem, pelo menos, 8 a 10 megabytes (MB) de espaço disponível no disco rígido que contém a pasta de ficheiros temporários (Temp).

Para remover os ficheiros temporários, siga estes passos:
  1. Reinicie o computador. Prima a tecla F8 quando visualizar a mensagem A iniciar o Windows 95/98 e, em seguida, seleccione Apenas linha de comandos em modo de segurança.
  2. Escreva set e, em seguida, prima ENTER. Anote a localização da variável Temp.
  3. Mude para a pasta de que tomou nota no passo 2. Por exemplo, se Temp estiver definido para C:\Windows\Temp, escreva a seguinte linha e, em seguida, prima ENTER:
    cd\windows\temp
  4. Elimine todos os ficheiros temporários existentes neste directório. Normalmente, os ficheiros temporários têm uma extensão .tmp. Para eliminar estes ficheiros, escreva a seguinte linha e, em seguida, prima ENTER:
    del *.tmp
    NOTA: Não deverá eliminar estes ficheiros da interface gráfica de utilizador (GUI, Graphical User Interface) do Windows uma vez que este sistema operativo, ou um programa nele baseado, poderá estar a utilizar um destes ficheiros.
  5. Se o computador tiver um botão de reposição, prima-o. Caso contrário, prima CTRL+ALT+DELETE para reiniciar o computador, que iniciará o Windows 95 ou 98 no modo normal.

Problema de vídeo

Ocasionalmente, no Microsoft Access, poderá detectar falhas de página ou um comportamento imprevisível do ecrã devido a um conflito do controlador de vídeo ou a uma definição incorrecta do hardware de gráficos do sistema.

Conflito do controlador de vídeo

Para resolver um conflito do controlador de vídeo, altere a placa de vídeo do sistema para VGA padrão, que deverá funcionar com a maior parte dos monitores. Para obter informações adicionais sobre como alterar a placa gráfica para VGA padrão, clique no número de artigo existente abaixo para visualizar o artigo na Microsoft Knowledge Base:
135483 Windows 95 CD-ROM Display.txt File
Se a alteração do modo da placa gráfica para VGA padrão resolver a ocorrência da falha de página ou dos problemas inesperados de ecrã no Microsoft Access, deverá contactar o fabricante da placa gráfica para saber se existe um controlador actualizado disponível.

Definições do hardware de gráficos

Para determinar se uma falha de página inválida é causada pela forma como o Windows 95 ou 98 utiliza a placa de vídeo, experimente tentar modificar as definições do hardware de gráficos. Para o fazer, siga estes passos:
  1. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Painel de controlo.
  2. Clique duas vezes no ícone Sistema.
  3. Clique no separador Desempenho e, em seguida, clique em Gráficos em Definições avançadas.
  4. Mova o cursor de deslocamento de Aceleração do hardware para a definição Nenhuma (totalmente para a esquerda) e, em seguida, clique em OK.
  5. Na caixa de diálogo Propriedades de 'Sistema', clique em OK.
Para obter informações adicionais sobre como resolver problemas de vídeo, clique no número de artigo existente abaixo para visualizar o artigo na Microsoft Knowledge Base:
127139Resolução de problemas de vídeo no Windows

Problema do controlador de impressora

Quando tentar imprimir no Microsoft Access, se receber uma falha de página inválida ou detectar problemas de impressão, poderá experimentar o controlador genérico/só texto no Windows 95 ou 98. Para tal, siga estes passos:
  1. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Impressoras.
  2. Clique duas vezes no ícone Adicionar impressora e siga as instruções apresentadas pelo Assistente para adicionar impressoras para instalar o controlador de impressora Genérica/só texto.
  3. Experimente imprimir a partir do Microsoft Access utilizando este controlador.
NOTA: Se os problemas de impressão existirem tanto com o controlador genérico/só texto como com qualquer outro controlador, é possível que o problema não seja específico do controlador. No entanto, se aparentemente o problema de impressão foi corrigido através da utilização de outro controlador de impressora, siga os passos que se seguem para remover e reinstalar o primeiro controlador de impressora:
  1. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Impressoras.
  2. Utilize o botão direito do rato para clicar na impressora que pretende remover e, em seguida, clique em Eliminar no menu que é apresentado.
  3. Se lhe for perguntado se pretende remover todos os ficheiros associados à impressora, clique em Sim.
  4. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Impressoras.
  5. Clique duas vezes no ícone Adicionar impressora e, depois, siga as instruções apresentadas pelo Assistente para adicionar impressoras para reinstalar o controlador de impressora original.
    NOTA: Se a reinstalação do controlador de impressora não resolver os problemas de impressão, poderá tentar utilizar outro controlador ou utilizar novamente o controlador genérica/só texto. Contacte o fabricante do controlador de impressora para comunicar o problema e saber se existe um controlador actualizado disponível.

Definições de memória virtual incorrectas

Ocasionalmente, o Microsoft Access poderá evidenciar um comportamento inesperado quando a definição de memória virtual for demasiado baixa para o sistema. O Windows 95/98 utiliza um gestor de memória virtual dinâmico para controlar as tarefas do ficheiro de comutação. Deve utilizar as predefinições da memória virtual sempre que possível.

No entanto, se suspeitar que o comportamento inesperado do Microsoft Access se deve a uma quantidade de memória virtual demasiado baixa, poderá tentar alterar manualmente as definições da memória virtual. Se a definição máxima da memória virtual já estiver estabelecida, poderá ter de seleccionar outro disco rígido ou de remover ficheiros do disco rígido actual para aumentar a quantidade de espaço em disco reservada para a memória adicional. Pode aumentar a quantidade de espaço em disco reservada para a memória adicional seguindo estes passos:
  1. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Painel de controlo.
  2. Clique duas vezes no ícone Sistema.
  3. Clique no separador Desempenho e, em seguida, clique em Memória virtual.
  4. Seleccione a opção Permitir que o utilizador possa especificar as definições de memória virtual.
  5. Seleccione um disco rígido e, em seguida, aumente as definições mínima e máxima conforme necessário.
  6. Clique em OK.
Para obter informações adicionais sobre memória virtual, clique no número de artigo existente abaixo para visualizar o artigo na Microsoft Knowledge Base:
128327 How Windows 95/98 Manages Virtual Memory

Definições do sistema de ficheiros incorrectas

O comportamento imprevisível do Microsoft Access pode ser causado (em raros casos) por definições incorrectas do desempenho do sistema de ficheiros do Windows. Para testar estas definições, experimente activar ou desactivar opções do sistema de ficheiros tais como Desactivar semântica de partilha e bloqueio de ficheiros novos ou Desactivar todos os controladores de disco a 32 bits do modo protegido.

Para experimentar definições do sistema de ficheiros diferentes:

  1. Clique em Iniciar, aponte para Definições e, em seguida, clique em Painel de controlo.
  2. Clique duas vezes no ícone Sistema.
  3. Clique no separador Desempenho.
  4. Clique no botão Sistema de ficheiros.
  5. Clique no separador Resolução de problemas.
  6. Configure as opções com outras definições e, em seguida, clique em OK.
Se a modificação das definições de desempenho do sistema de ficheiros não resolver o comportamento imprevisível do Microsoft Access, repita os passos acima descritos para repor as definições originais das opções de desempenho do sistema de ficheiros. Em seguida, poderá experimentar outros passos de resolução de problemas descritos neste artigo para isolar a causa dos problemas.

Fragmentação ou erros do disco rígido

Se a falha de página inválida resultar da fragmentação ou de erros do disco rígido, poderá utilizar o ScanDisk e o Desfragmentador do disco (Defrag.exe) para corrigir o problema. Para utilizar o ScanDisk, siga estes passos:
  1. Clique em Iniciar, aponte para Programas, aponte para Acessórios, aponte para Ferramentas do sistema e, em seguida, clique em ScanDisk.
  2. Seleccione a unidade que contém a pasta do Microsoft Access.
  3. Clique em Exaustivo como a opção de Tipo de teste.
  4. Clique em Iniciar.
  5. Se forem comunicados erros, deixe que o ScanDisk os corrija.
Para utilizar o Desfragmentador do disco, siga estes passos:
  1. Clique em Iniciar, aponte para Programas, aponte para Acessórios, aponte para Ferramentas do sistema e, em seguida, clique em Desfragmentador de disco.
  2. Seleccione a unidade que contém a pasta do Microsoft Access e, em seguida, clique em OK.
  3. Na caixa Desfragmentador de disco, clique em Iniciar.

Propriedades

Artigo: 208488 - Última revisão: 8 de fevereiro de 2014 - Revisão: 1.0
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Access 2000 Standard Edition
Palavras-chave: 
kbnosurvey kbarchive kbhowto kbinfo kbenv kbdta KB208488

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com