Como solucionar problemas de dispositivos desconhecidos listados no Gerenciador de dispositivos no Windows 2000

Traduções deste artigo Traduções deste artigo
ID do artigo: 244601 - Exibir os produtos aos quais esse artigo se aplica.
Expandir tudo | Recolher tudo

Neste artigo

Sumário

Ao visualizar informações sobre dispositivos em um computador baseado no Windows usando o Gerenciador de dispositivos, você pode ver um dispositivo desconhecido listado próximo a um ponto de interrogação amarelo. Determinar as causas desse dispositivo desconhecido pode ser difícil, já que há poucas indicações do que poderia estar gerando isso. Este artigo descreve as possíveis causas pelas quais um dispositivo desconhecido é listado no Gerenciador de dispositivos.

Mais Informações

As mais comuns para o Gerenciador de dispositivos listar um dispositivo como desconhecido são:

O dispositivo não possui um driver de dispositivo

Quando um driver de dispositivo para um dispositivo não está disponível, o Gerenciador de dispositivos exibe o dispositivo como desconhecido e o coloca na pasta Outros dispositivos. Isso é muito comum com dispositivos de composição USB (Universal Serial Bus) e IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineering) 1394. Além disso, um status de "Código de erro 1" ou "Código de erro 10" pode ser exibido ao se visualizarem as propriedades do dispositivo no Gerenciador de dispositivos.

Observação A maior parte dos dispositivos USB e IEEE 1394 foi desenvolvida para funcionar corretamente sem nenhum driver de dispositivo adicional, porque são configurados e ativados pelos drivers incluídos com o Windows para esses tipos de barramento. No entanto, um driver de dispositivo adicional é necessário se o dispositivo não se ajustar aos drives de classe do Windows definidos e fornecidos. Se o barramento não puder identificar o dispositivo, irá interpretá-lo como um dispositivo de composição e reportá-lo como tal para o Gerenciador de dispositivos.

Um driver de dispositivo do Windows 98 ou do Windows 95 está sendo usado

Não é possível usar arquivos de driver de dispositivo virtual (.vxd) comuns aos drivers do Windows 98 ou do Windows 95 com o Windows 2000. Se tentar instalá-los em um computador baseado no Windows 2000, o dispositivo pode ser listado como desconhecido no Gerenciador de dispositivos. Isso normalmente ocorre quando o fabricante do driver de dispositivo não diferencia apropriadamente os dois drivers ou pressupõe que o Windows 2000 pode usar arquivos .vxd do Windows 98 ou do Windows 95.

Identificação de dispositivo não reconhecida

Todo dispositivo de hardware possui um identificador especial usado pelo Plug and Play. Esse identificador pode consistir em um número de diferentes tipos, como ID do fornecedor, ID do dispositivo, ID do subsistema, ID do fornecedor do subsistema ou ID de revisão. Se uma ID de dispositivo não existir ou se o seu computador baseado no Windows 2000 não reconhecer a ID do dispositivo, o Gerenciador de dispositivos poderá listar o dispositivo como desconhecido.

Observação Programas que necessitam de acoplamentos virtuais no hardware podem criar esses dispositivos. Por exemplo, o Compaq Insight Manager cria dispositivos virtuais para se comunicar e monitorar o hardware. A atualização de um computador com o Compaq Insight Manager instalado para o Windows 2000 pode gerar um dispositivo desconhecido no Gerenciador de dispositivos, já que as versões mais antigas do software não fornecem as definições corretas desses dispositivos. Dispositivos que fazem uma ponte entre tipos de barramentos, como um driver de dispositivo que permite que um dispositivo de porta paralela emule um barramento SCSI (Small Computer System Interface) ou um ATAPI, também são conhecidos por gerarem um dispositivo desconhecido no Gerenciador de dispositivos.

Hardware ou firmware com defeito

As possíveis situações em que um hardware ou firmware com defeito poderiam fazer dispositivos desconhecidos serem listados no Gerenciador de dispositivos são:

Dispositivo virtual criado com o software

Drivers de dispositivo exclusivos de software não exibem uma identificação do dispositivo, e não existe um método padrão para a instalação desses dispositivos. Alguns fabricantes instalam o dispositivo usando o programa de instalação InstallShield ou um método semelhante. Lembre-se de que o software instalado usando outros métodos pode não ser completamente removido quando o dispositivo é removido no Gerenciador de dispositivos e, por isso, pode ser necessário verificar o Registro para ver se todas as entradas foram removidas.

Use qualquer um dos seguintes métodos para determinar se um dispositivo desconhecido está sendo criado pelo software:
  • Embora não seja 100% confiável, iniciar o computador no modo de segurança pode ser uma das maneiras mais fáceis de determinar se um dispositivo desconhecido está sendo criado pelo software. Ao iniciar o computador, pressione F8, selecione Modo de segurança e pressione ENTER. Se o dispositivo desconhecido não estiver mais listado no Gerenciador de dispositivos, é provável que o dispositivo desconhecido não seja hardware.
  • Se você suspeitar que um determinado software está criando um dispositivo desconhecido, verifique a pasta Inicializar do computador para saber quais programas estão configurados para serem iniciados durante a inicialização. Além disso, verificar a barra de menus pode lhe dar uma indicação de quais programas são iniciados automaticamente, embora seja necessário lembrar que alguns dos que podem estar configurados para serem iniciados durante a inicialização não aparecem na pasta Inicializar.
  • A ferramenta Informações do sistema pode ser muito útil no diagnóstico das causas de um dispositivo desconhecido. Para executá-la:

    1. Clique em Iniciar, aponte para Programas, para Ferramentas administrativas e clique em Gerenciamento do computador.
    2. Na caixa de diálogo Gerenciamento do computador, clique na pasta Informações do sistema, clique duas vezes na pasta Ambiente de software e na pasta Programas de inicialização.
    3. Uma lista abrangendo todos os programas configurados para serem iniciados durante a inicialização é exibida.
    Você deve verificar o log de eventos em busca de erros relacionados a esses programas para ver se não há nenhum com mau funcionamento. Caso encontre um evento relacionado, desinstale o programa correspondente. Lembre-se do fato de que um programa criar um dispositivo desconhecido não é uma indicação de que o programa não funciona, a menos que ele dependa desse dispositivo para ser iniciado.
  • É possível visualizar todos os componentes do computador, inclusive os drivers necessários ao funcionamento desses componentes. Para visualizar os componentes instalados no computador:

    1. Clique em Iniciar, aponte para Programas, para Ferramentas administrativas e clique em Gerenciamento do computador.
    2. Na caixa de diálogo Gerenciamento do computador, clique duas vezes em Ferramentas do sistema.
    3. Clique duas vezes em Informações do sistema e na pasta Componentes.
  • Verifique a pasta Dispositivos com problema, localizada na pasta Componentes.

    OBSERVAÇÃO: Execute as etapas do método anterior para visualizar a pasta Componentes.

    Há as seguintes colunas listadas:

    • A coluna Dispositivo lista o nome comum para o dispositivo ou o nome do driver de dispositivo associado a ele.
    • A coluna Identificação do dispositivo PNP lista as identificações dos dispositivos, como identificação PCI (Peripheral Component Interconnect), identificação ISA (Industry Standard Architecture), uma identificação para outro tipo de barramento ou um tipo desconhecido.
    • A coluna Código de erro lista o código de erro associado ao problema específico. Em muitas situações, o código de erro do Gerenciador de dispositivos ajuda a determinar o que criou o dispositivo desconhecido. Por exemplo, se o seu computador gerar uma mensagem de erro "Driver de dispositivo inválido ou ausente", três tipos de entradas poderão estar listadas na pasta Dispositivos com problema, dependendo do tipo de dispositivo:

      • Identificação de dispositivo PNP PCI:

        Nome do dispositivo | PCI\VEN_00000&DEV_0000&SUBSYS_00000000&REV_00\0&0000 | Código de erro
      • Identificação de dispositivo PNP ISA:

        Nome do dispositivo | ?\PNP0000\0
      • Driver de dispositivo inválido ou incompatível:

        Nome do dispositivo | ROOT\UNKNOWN\0000
  • As informações listadas no arquivo Setupapi.log podem ser muito úteis na identificação do que pode ter criado o dispositivo desconhecido, desde que o dispositivo possua um nome significativo. Algumas vezes o nome de dispositivo listado pode não ser muito claro. Por exemplo, um dispositivo pode estar listado como um dispositivo serial no Gerenciador de dispositivos, quando na verdade, não tem relação com uma porta serial. Isso normalmente ocorre quando uma identificação Plug and Play parcial está disponível e o Gerenciador de dispositivos a interpreta como um dispositivo serial. Essa interpretação pode ocorrer devido a uma identificação compatível especificada pelo dispositivo. Novamente, isso pode ser corrigido localizando o programa de inicialização que pode não estar se comportando adequadamente.

    Observe que apenas remover o dispositivo desconhecido no Gerenciador de dispositivos não funciona se um software estiver criando esse dispositivo desconhecido. É necessário desinstalar o programa e reiniciar o computador. Além disso, se o dispositivo desconhecido ainda estiver listado após a reinicialização do computador no modo de segurança, entre em contato com o Suporte técnico da Microsoft para obter ajuda na remoção do dispositivo.

Dispositivos de hardware

Isolar dispositivos de hardware é menos complexo do que os dispositivos virtuais, e você pode usar um dos seguintes métodos para isso:
  • Remova os dispositivos de hardware do computador, um por vez, até que o dispositivo desconhecido não esteja mais listado no Gerenciador de dispositivos. Esse método pode levar algum tempo e nem sempre é confiável.
  • Verifique se o driver de dispositivo está assinado digitalmente. Se durante a instalação do driver do dispositivo, o Windows 2000 detectar que ele não está assinado digitalmente, a seguinte mensagem de erro será exibida:
    Sem assinatura digital
    Um driver de dispositivo assinado digitalmente pode, mesmo assim, estar listado como desconhecido no Gerenciador de dispositivos. Além disso, lembre-se de que o usuário pode não ver essa mensagem de erro caso ela tenha sido desativada.

    Observação As informações sobre drivers assinados digitalmente e sobre a ferramenta Device Driver Kit (DDK) estão disponíveis no seguinte site da Microsoft (em inglês):
    http://www.microsoft.com/whdc/devtools/ddk/default.mspx
É possível impedir a instalação de drivers sem assinatura digital, o que pode ser uma boa forma de impedir tentativas deliberadas de desestabilizar servidores essenciais. Para impedir a instalação de drivers de dispositivo não assinados:
  1. Clique em Iniciar, aponte para Configurações e clique em Painel de controle.
  2. Clique duas vezes em Sistema e clique na guia Hardware.
  3. Clique em Assinatura de driver e em Bloquear - impedir instalação de arquivos não assinado.
  4. Clique em OK e clique em OK.
Para visualizar uma lista de dispositivos não assinados digitalmente, use um dos seguintes métodos:
  • Visualizar o arquivo Setupapi.log para entradas que se assemelhem às seguintes entradas:
    O arquivo (D:\WINNT\inf\ntapm.inf) não é assinado digitalmente, ignorando data do driver.
    Instalando seção epatapi_inst a partir de d:\documents and settings\nome do usuário\my documents\parallel port test drivers\epatapnt.inf Um driver não assinado ou assinado incorretamente (d:\documents and settings\nome do usuário\meus documentos\parallel port test drivers\epatapnt.inf) foi instalado para Parallel ATAPI Adapter. Error 0xe000022f: As informações (INF) de outra empresa não contêm informações sobre assinatura digital. Copiando o arquivo d:\documents and settings\nome do usuário\my documents\parallel port test drivers\epatapnt.mpd para D:\WINNT\System32\DRIVERS\epatapnt.mpd. Um driver não assinado ou assinado incorretamente (d:\documents and settings\nome do usuário\meus documentos\parallel port test drivers\epatapnt.mpd) foi instalado para Parallel ATAPI Adapter. Error 0xe000022f: As informações (INF) de outra empresa não contêm informações sobre assinatura digital.
    no qual nome do usuário é o nome de usuário.
  • Usar a ferramenta Sigverif.exe, que lhe permite criar um arquivo de log listando todos os drivers não assinados instalados no computador. O arquivo de log Sigverif.txt criado pela ferramenta Sigverif.exe está localizado na pasta %SystemRoot%, e pode ser visualizado usando-se um editor de textos (como o Bloco de notas). Para executar a ferramenta Sigverif.exe:

    1. Clique em Iniciar, em Executar, digite sigverif e clique em OK.
    2. Clique em Avançado em Procurar outros arquivos que não estejam assinados digitalmente na guia Pesquisar.
    3. Marque a caixa de seleção Incluir subpastas e clique em Procurar.
    4. Localize e clique na pasta %SystemRoot%\System32\Drivers, clique em OK e em Iniciar.
    Talvez haja um atraso enquanto o computador compila uma lista abrangente de drivers não assinados. Verifique a lista de drivers não assinados e veja se o fabricante possui um driver atualizado assinado digitalmente.
Dispositivos USB com base nas versões mais antigas da especificação USB podem criar dispositivos fantasmas que aparecem quando o dispositivo está conectado e desaparecem quando o dispositivo é desconectado. Além disso, o dispositivo pode funcionar perfeitamente, mas pode criar um dispositivo desconhecido não associado, o que é normalmente causado por um firmware desatualizado ou configurado incorretamente. Nesse caso, contate o fabricante do dispositivo para obter um firmware atualizado.

Dispositivos fantasmas também podem aparecer caso o usuário instale um driver manualmente para um dispositivo Plug and Play já detectado e instalado pelo computador. Normalmente, dispositivos Plug and Play não são listados quando você os instala manualmente usando o Assistente para adicionar novo hardware. Como não vêem o dispositivo listado, os usuários podem pressupor que não há suporte para ele e forçam uma instalação usando outro driver de dispositivo, o que faz o dispositivo fantasma aparecer. Excluir o dispositivo fantasma normalmente resolve o problema.

Os outros produtos mencionados neste artigo são produzidos por empresas independentes da Microsoft. A Microsoft não oferece garantia, implícita ou não, em relação ao desempenho ou à confiabilidade desses produtos.

Propriedades

ID do artigo: 244601 - Última revisão: segunda-feira, 14 de fevereiro de 2005 - Revisão: 4.1
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Windows 2000 Server
  • Microsoft Windows 2000 Advanced Server
  • Microsoft Windows 2000 Professional Edition
  • Microsoft Windows 2000 Datacenter Server
Palavras-chave: 
kberrmsg kbhowto kbtshoot kbtool kbhardware kbhw kb3rdparty KB244601

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com