COMO: Utilizar a conclusão automática numa linha de comandos no Windows XP

Traduções de Artigos Traduções de Artigos
Artigo: 310530 - Ver produtos para os quais este artigo se aplica.
Este artigo foi publicado anteriormente em PT310530
Expandir tudo | Reduzir tudo

Nesta página

Sumário

Este artigo descreve como configurar o Windows XP de modo a concluir automaticamente nomes de ficheiros e pastas escritos pelo utilizador numa linha de comandos. Esta funcionalidade é activada através da escrita de um carácter de controlo que a invoca.

Activar a conclusão automática

Por exemplo, para mudar para a pasta Programas, pode escrever cd \pro carácter_de_controlo. Como alternativa, para visualizar o conteúdo do ficheiro Myfile.txt, pode escrever type myf carácter_de_controlo. Se existirem várias pastas ou ficheiros que correspondem aos caracteres escritos, o facto de escrever o carácter de controlo novamente fará com que a ocorrência correspondente seguinte seja apresentada. Quando a pasta ou ficheiro correcto for apresentado, prima ENTER para concluir o comando. Se não existirem pastas ou ficheiros correspondentes aos caracteres escritos, ouvirá um sinal sonoro.

Pode activar ou desactivar esta funcionalidade num computador, para um utilizador ou apenas para a sessão de comandos actual.

Activar a conclusão automática na sessão actual

Para activar a conclusão automática para a sessão de comandos actual, escreva cmd /f. Em seguida, escreva CTRL+D para concluir o nome de uma pasta ou CTRL+F para concluir o nome de um ficheiro.

Para desactivar a conclusão automática, escreva cmd /f:off.

Para activar permanentemente a conclusão automática

AVISO: A utilização incorrecta do Editor de registo pode causar problemas graves que poderão forçar a reinstalação do sistema operativo. A Microsoft não garante que os problemas resultantes da utilização incorrecta do Editor de registo possam ser resolvidos. Todo e qualquer risco decorrente da utilização do Editor de registo é da responsabilidade do utilizador.

Para obter informações sobre como editar o registo, consulte o tópico de ajuda Alterar chaves e valores no Editor de registo (Regedit.exe) ou os tópicos de ajuda Adicionar e eliminar informações no registo e Editar informações de registo no Regedt32.exe. Repare que deve criar uma cópia de segurança do registo antes de o editar. Se estiver a utilizar o Windows NT ou o Windows 2000, deverá também actualizar o disco de reparação de emergência (ERD, Emergency Repair Disk).
  1. Clique em Iniciar, clique em Executar, escreva regedit e, em seguida, clique em OK.
  2. Para activar a conclusão automática num computador, localize e clique na chave HKEY_LOCAL_MACHINE\Software\Microsoft\Command Processor.
  3. Para activar a conclusão automática para o utilizador actual, localize e clique na chave HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Command Processor.
  4. Para a conclusão de nomes de pastas, faça duplo clique no valor CompletionChar. Escreva o carácter de controlo que pretende utilizar em formato hexadecimal.

    Por exemplo, se pretender utilizar a tecla TAB como carácter de controlo, este corresponderá a 0x9 (escreva 9 como o valor; o Windows converterá o valor para o formato hexadecimal). Se pretender utilizar os mesmos caracteres de controlo utilizados para uma única sessão de comandos, escreva 0x4 para CTRL+D e 0x6 para CTRL+F. Pode utilizar o mesmo carácter de controlo para a conclusão de nomes de pastas e de ficheiros.
  5. Para a conclusão de nomes de ficheiros, faça duplo clique no valor PathCompletionChar. Escreva o carácter de controlo que pretende utilizar em formato hexadecimal.

    Por exemplo, se pretender utilizar a tecla TAB como carácter de controlo, este corresponderá a 0x9 (escreva 9 como o valor; o Windows converterá o valor para o formato hexadecimal). Se pretender utilizar os mesmos caracteres de controlo utilizados para uma única sessão de comandos, escreva 0x4 para CTRL+D e 0x6 para CTRL+F. Pode utilizar o mesmo carácter de controlo para a conclusão de nomes de pastas e de ficheiros.
  6. Saia do Editor de registo.
Se activar esta funcionalidade no computador, a funcionalidade estará disponível para todos os utilizadores. No entanto, poderá desactivar a funcionalidade para qualquer utilizador individual ou poderá utilizar caracteres de controlo diferentes dos que foram aplicados no computador para esse utilizador. As definições de utilizador têm precedência sobre as definições do computador.

Informações adicionais

Repare nas diferenças que se seguem entre a conclusão de nomes de pastas e a conclusão de nomes de ficheiros:
  • A funcionalidade de conclusão de nomes de ficheiros também funciona para pastas, dado que a funcionalidade procura um caminho completo e verifica a correspondência de nomes de ficheiros e de pastas.
  • Se utilizar o carácter de controlo de conclusão de ficheiros com um comando que só funcione com pastas (por exemplo, o comando cd ou rd), só são procurados nomes de pastas.
  • A funcionalidade de conclusão de nomes de pastas só verifica a correspondência de nomes de pastas. Isto faz com que a funcionalidade de conclusão de nomes de pastas seja mais rápida na procura de pastas do que a funcionalidade de conclusão de nomes de ficheiros, caso existam ficheiros e pastas com cadeias de caracteres correspondentes.

Propriedades

Artigo: 310530 - Última revisão: 26 de dezembro de 2001 - Revisão: 1.0
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Windows XP Professional Edition
Palavras-chave: 
kbhowto kbhowtomaster KB310530

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com