Como resolver problemas relacionados com routers mudos

Traduções de Artigos Traduções de Artigos
Artigo: 314825 - Ver produtos para os quais este artigo se aplica.
Este artigo poderá conter hiperligações para conteúdo em inglês (ainda não traduzido).

Para obter uma versão deste artigo referente ao Microsoft Windows 2000, consulte 159211.

IMPORTANTE: este artigo contém informações sobre como modificar o registo. Antes de modificar o registo, certifique-se de que efectua uma cópia de segurança e de que compreende como o pode restaurar se ocorrer um problema. Para obter informações sobre como efectuar uma cópia de segurança, restaurar e editar o registo, clique no número de artigo que se segue para visualizar o artigo na base de dados de conhecimento da Microsoft (KB, Microsoft Knowledge Base):
256986 Descrição do registo do Microsoft Windows
Expandir tudo | Reduzir tudo

Nesta página

Sumário

Este artigo define o termo router "mudo", descreve um método para localizar routers mudos e sugere três formas de evitar a perda de dados que pode ocorrer devido a um router mudo.

Mais Informação

Numa rede alargada (WAN, Wide Area Network) baseada em TCP/IP, a comunicação através de alguns routers pode falhar se um segmento de rede intermédio tiver um tamanho máximo de pacote inferior ao tamanho máximo de pacote dos anfitriões que estão a comunicar, e se o router não enviar uma resposta do protocolo de mensagens de controlo da Internet (ICMP, Internet Control Message Protocol) adequada a esta situação. Um router deste tipo é por vezes conhecido como router "mudo".

Poderá localizar o router mudo usando o utilitário Ping, que é um utilitário padrão instalado com o protocolo TCP/IP do Microsoft Windows. Poderá então utilizar um de três métodos para resolver ou contornar o problema dos routers mudos.

Quando um router de rede recebe um pacote com um tamanho superior ao da unidade máxima de transmissão (MTU, Maximum Transmission Unit) do segmento seguinte de uma rede de comunicações, e o bit "não fragmentar" da camada IP desse pacote estiver sinalizado, o router deverá enviar uma mensagem ICMP de "destino inatingível" ao anfitrião remetente.

Se o router não enviar a mensagem, o pacote poderá ser ignorado, causando uma série de erros que variam de acordo com o programa que está a comunicar através da ligação sem êxito. (Estes erros não ocorrem se um programa ligar a um computador numa sub-rede local.) Este comportamento pode parecer intermitente, mas uma análise mais minuciosa mostra que o comportamento pode ser reproduzido, por exemplo, fazendo com que um cliente leia um ficheiro grande enviado a partir de um anfitrião remoto.

Erro do lado do cliente

O cliente não conseguiu estabelecer uma ligação ao computador remoto. As causas mais prováveis deste erro são:
  • As ligações remotas não podem ser activadas no computador remoto.
  • O número máximo de ligações foi excedido no computador remoto.
  • Ocorre um erro de rede ao estabelecer a ligação.
    Erro do lado do servidor: ID do evento: 1004
    Origem: TermService
    Descrição: "O servidor de terminais não pode emitir uma licença de cliente. Não foi possível emitir a licença devido a uma licença de cliente modificada (não correspondia), memória insuficiente ou um erro interno. Mais detalhes acerca deste erro poderão ter sido reportados no computador cliente."

Localizar um router mudo

Pode usar o utilitário Ping para localizar um router mudo definindo os parâmetros -f e -l quando escrever o comando ping.
  • O parâmetro -f leva o utilitário Ping a enviar um pacote de eco ICMP com o bit IP "não fragmentar" definido.
  • O parâmetro -l define o tamanho da memória intermédia, ou carga, do pacote de eco ICMP. O utilizador especifica este tamanho escrevendo um número depois do parâmetro -l.
A maior dimensão de memória intermédia que pode ser enviada não fragmentada é igual à menor MTU que existe ao longo de uma rota menos os cabeçalhos IP e ICMP (ou seja, a menor MTU menos 28). Por exemplo, a Ethernet tem uma MTU de 1.500 bytes; assim, nas melhores circunstâncias, o utilitário Ping consegue ecoar um pacote não fragmentado, mais uma memória intermédia ICMP, de 1.472 bytes (1.500 menos 28). Neste caso, a sintaxe do comando ping é:
ping nome_do_computador ou endereço_IP -f -l 1472
Para todos os endereços IP locais, os resultados esperados são os seguintes:
  • Se a MTU de cada segmento de uma ligação encaminhada for, no mínimo, de 1.500, o pacote será devolvido com êxito.
  • Se existirem segmentos intermédios com MTUs mais pequenas, e os routers devolverem o pacote ICMP de "destino inatingível" adequado, o utilitário Ping apresentará a mensagem "O pacote precisa de ser fragmentado, mas definido como DF".
  • Se existirem segmentos intermédios com MTUs mais pequenas, e os routers não devolverem o pacote ICMP de "destino inatingível" adequado, o utilitário Ping apresentará a mensagem "O pedido excedeu o tempo".
Ao aumentar o parâmetro -l em pings sucessivos, conseguirá identificar o tamanho limite com que um pacote não fragmentado pode viajar numa rota específica. A menor MTU geralmente utilizada é de 576 bytes, de modo a poder começar com uma memória intermédia de ICMP de 548 e aumentar a partir daí. Por exemplo, se o comando Ping nome_do_computador ou endereço_IP -f -l 972 devolver pacotes, mas Ping nome_do_computador ou endereço_IP -f -l 973 não devolver, a MTU maior nessa rota é de 1.000 (972 mais 28). As MTU predefinidas de suportes de rede comuns são descritas no seguinte artigo da base de dados de conhecimento da Microsoft (KB, Microsoft Knowledge Base):
314496 Default MTU Size for Different Network Topology

Corrigir ou contornar um router mudo

AVISO: a utilização incorrecta do Editor de registo, poderá provocar problemas graves que poderão forçar a reinstalação do sistema operativo. A Microsoft não garante que os problemas resultantes da utilização incorrecta do Editor de registo possam ser resolvidos. Todo e qualquer risco decorrente da utilização do Editor de registo é da responsabilidade do utilizador.

Os seguintes três métodos são formas de corrigir ou contornar um router mudo.

Método 1

Active a detecção de routers mudos PMTU nos anfitriões baseados no Windows que irão comunicar através de uma ligação WAN. Siga estes passos:
  1. Inicie o Editor de registo (Regedit.exe).
  2. Localize a seguinte chave no registo:
    HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Services\tcpip\parameters
  3. No menu Editar, clique em Adicionar valor e adicione o seguinte valor de registo:
    Nome do valor: EnablePMTUBHDetect
    Tipo de dados: REG_DWORD
    Valor: 1
  4. Saia do Editor de registo e reinicie o computador.

Método 2

Configure os routers intermédios para enviar mensagens ICMP de código 4, tipo 3 ("destino inatingível, bit "não fragmentar" (DF) enviado e fragmentação necessária"). Para isto poderá ser necessária uma actualização do software ou firmware do router, reconfiguração ou substituição do router.

Método 3

Defina a MTU da interface do anfitrião com o tamanho maior suportado pelo router mudo, de modo a garantir que é enviado o maior tamanho possível de pacote pela ligação. Contudo, note que o tráfego local utilizará pacotes menores que o necessário, tal como o tráfego que utiliza as ligações encaminhadas sem problemas.

Esta medida pressupõe que identificou a MTU e o estado de todas as ligações possíveis que o anfitrião poderá utilizar. Depois de identificar o maior tamanho de MTU suportado, defina manualmente a MTU. Siga estes passos:
  1. Clique em Iniciar e clique em Painel de controlo.
  2. Faça duplo clique em Ligações de rede e de Internet e clique para abrir a pasta Ligações de rede.
  3. Se for apresentada mais do que uma ligação de rede, faça duplo clique em cada ligação e clique no separador Suporte da interface Estado que abrir. A ligação que mostrar uma entrada Gateway predefinido é provavelmente a ligação de rede utilizada para ligar à Internet. Anote o nome da ligação (por exemplo, "Ligação de área local 2").
  4. Inicie o Editor de registo (Regedit.exe).
  5. Na árvore HKEY_LOCAL_MACHINE, vá para a seguinte chave:
    SYSTEM\CurrentControlSet\Control\Network\{4D36E972-E325-11CE-BFC1-08002BE10318}\
  6. Nessa chave existem uma ou mais chaves com identificadores numéricos. Cada uma destas chaves tem uma subchave Connection. Analise todas as chaves com o seguinte aspecto:
    ID_da_placa\Connection
    O valor Name da subchave Connection fornece o nome da ligação de rede utilizado na pasta Ligações de rede. Quando encontrar a que corresponde ao nome encontrado no passo 3, tome nota do ID_da_placa em que se encontra o nome da ligação de rede.
  7. Volte a HKEY_LOCAL_MACHINE e localize a seguinte chave
    SYSTEM\CurrentControlSet\Services\Tcpip\Parameters\Interfaces\ID_da_placa
    em que ID_da_placa é o número que apontou no passo 6. Quando seleccionar esta chave, vários valores serão apresentados no lado direito do ecrã, incluindo DefaultGateway e EnableDHCP.
  8. Clique com o botão direito do rato no lado direito do ecrã, clique em Novo e clique em Valor DWORD. Atribua o nome MTU ao valor.
  9. Faça duplo clique no valor de modo a poder editá-lo, altere a Base para Decimal e introduza o maior tamanho de MTU aceitável, que será o tamanho identificado com a utilização dos testes Ping.
  10. Saia do Editor de registo.
Note que se continuar a detectar problemas em alguns servidores, poderá ser necessário definir a MTU abaixo do indicado pelos testes Ping devido a outros routers desse caminho específico. Continue a baixar a MTU em 10 até o acesso a esses sites ocorrer com êxito.

Para obter informações adicionais sobre como definir manualmente a MTU, clique no número de artigo existente abaixo para visualizar o artigo na base de dados de conhecimento da Microsoft (KB, Microsoft Knowledge Base):
314053 Parâmetros de configuração de TCP/IP e NBT para o Windows XP

Para obter informações adicionais, consulte o RFC 1191 e o RFC 1435 relativos à Internet, que estão disponíveis a partir do seguinte Web site da Internic:
http://www.internic.net/

Propriedades

Artigo: 314825 - Última revisão: 14 de junho de 2005 - Revisão: 1.1
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Windows XP Home Edition
  • Microsoft Windows XP Professional Edition
Palavras-chave: 
kbenv kbinfo kbnetwork KB314825

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com