Comportamento e melhoramentos da qualidade de serviço (QoS) do Windows XP

Traduções de Artigos Traduções de Artigos
Artigo: 316666 - Ver produtos para os quais este artigo se aplica.
Expandir tudo | Reduzir tudo

Nesta página

Sumário

Qualidade de serviço (QoS) do funcionamento em rede refere-se a uma variedade de técnicas que dão prioridade a um tipo de tráfego ou programa que funciona através de uma ligação de rede em vez de depender apenas de uma conectividade de "melhor esforço". Os mecanismos de QoS estão incorporados no Microsoft Windows 2000 e no Windows XP. Este artigo descreve os melhoramentos de QoS disponíveis no Windows XP. Neste artigo são também mencionadas as funcionalidades de QoS introduzidas originalmente no Windows 2000.

QoS da 'Partilha de ligação à Internet'

Quando uma rede está ligada a outra rede através de uma ligação lenta, como uma linha de acesso telefónico, poderá ocorrer uma situação que aumente o atraso do tráfego que atravessa a ligação lenta. Este atraso ocorre devido à não correspondência de velocidade entre o que é conhecido nas estações terminais da comunicação e a ligação lenta. A ligação lenta provoca um congestionamento no caminho de rede. Isto só é aplicável a comunicações orientadas para ligações quando utiliza o TCP.

Se o cliente de destino tiver uma rede relativamente rápida como, por exemplo, uma rede Ethernet de 100 megabytes por segundo, num computador com o Windows XP com o serviço Partilha de ligação à Internet e o servidor com o qual o receptor está a comunicar tiver um acesso remoto numa rede rápida, verificar-se-á a não correspondência. Neste cenário, é definido um valor elevado para a janela de recepção do receptor, baseado na velocidade da ligação do receptor. O emissor começa por fazer o envio a uma velocidade lenta mas, se não forem perdidos pacotes, o emissor acabará por enviar quase tantos pacotes quantos a dimensão da janela permite.

Este cenário pode afectar o desempenho de outras ligações TCP que atravessem a mesma rede. Os pacotes são colocados numa fila potencialmente grande e aguardam a transmissão através da rede lenta. Se ocorrer perda de pacotes, os dados terão de ser transmitidos novamente e isto provocará também o congestionamento da ligação.

Para resolver este problema, deverá configurar o computador com Partilha de ligação à Internet no limite da rede para definir automaticamente a janela de recepção com um tamanho menor, adequado à ligação lenta. Esta definição substitui a especificação do receptor. Esta definição não afectará o tráfego de forma adversa, uma vez que o tamanho da janela está a ser definido como se o receptor estivesse ligado directamente à ligação lenta. O componente Agendador de pacotes QoS em execução no computador da Partilha de ligação à Internet faz este ajuste da janela.

QoS de modems e acesso remoto

Em Janeiro de 2002, são muitas as pessoas que continuam a estabelecer ligação à Internet através de ligações lentas, como ligações com uma velocidade de 56 quilobits por segundo. Mesmo com as limitações de velocidade da ligação, muitos utilizadores executarão vários programas enquanto acedem à rede. Por exemplo, os utilizadores poderão, simultaneamente, efectuar transferências, utilizar o correio electrónico, programas de conversação e mesmo enviar/receber áudio ou vídeo em sequência. A maior parte destes programas utiliza o TCP como protocolo subjacente para a transferência, e cada programa utiliza as suas próprias ligações.

O primeiro programa a utilizar a ligação terá utilização exclusiva até a ligação atingir um estado estável. Um estado estável coloca uma janela de TCP completa em trânsito. Quando o programa seguinte começa a transferir dados, a ligação utilizada pelo programa ficará sujeita a um algoritmo de início lento que limita a quantidade dados não confirmados que podem estar em trânsito. Devido à quantidade de dados que está a ser transmitida pelo programa já estabelecido, o segundo programa demorará muito mais tempo a atingir um estado estável e a transferência será muito mais lenta para dados com dimensões semelhantes.

O Windows XP implementa um esquema DRR (Deficit Round Robin) de equidade quando o sistema operativo utiliza uma ligação lenta. Este esquema estava disponível no Windows 2000. Por predefinição, o esquema é activado no Windows XP quando é detectada uma ligação lenta. Este esquema atribui vários fluxos de dados e atribui novas sequências de dados de aplicações a estes fluxos. Estes fluxos são automaticamente processados num modo round robin. Esta configuração fornece melhor capacidade de resposta e desempenho para comunicações de rede e não requer configuração manual.

Esclarecimento sobre a utilização de QoS em computadores terminais com o Windows XP

Como no Windows 2000, os programas podem tirar partido da qualidade de serviço através das APIs de QoS do Windows XP. Toda a largura de banda da rede pode ser partilhada por todos os programas, a menos que um programa peça especificamente largura de banda com prioridade. Esta largura de banda "reservada" continua disponível para outros programas a menos que o programa que efectuou o pedido esteja a enviar dados. Por predefinição, os programas podem reservar uma largura de banda agregada máxima de 20 por cento da velocidade de ligação subjacente em cada interface de um computador terminal. Se o programa que reservou a largura de banda não estiver a enviar dados suficientes que justifiquem a utilização da mesma, a parte não utilizada da largura de banda reservada ficará disponível para outros fluxos de dados no mesmo anfitrião.

Para obter mais informações sobre o Agendador de pacotes QoS, consulte a ajuda do Windows XP. Encontram-se disponíveis informações adicionais sobre a qualidade de serviço do Windows 2000 na biblioteca técnica do Windows 2000.

Correcção de algumas declarações incorrectas sobre o suporte de QoS do Windows XP

Foi declarado em vários artigos técnicos publicados e colocações em newsgroups que o Windows XP reserva sempre 20 por cento da largura de banda disponível para QoS. Estas declarações são incorrectas. As informações da secção "Esclarecimento sobre a utilização de QoS em computadores terminais com o Windows XP" descrevem correctamente o comportamento de sistemas Windows XP.

Propriedades

Artigo: 316666 - Última revisão: 4 de outubro de 2006 - Revisão: 4.0
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Windows XP Home Edition
  • Microsoft Windows XP Professional Edition
Palavras-chave: 
kbenv kbinfo kbnetwork KB316666

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com