O Exchange Server 2003 e o Exchange 2000 Server requerem resolução de nomes NetBIOS para funcionalidade plena

Traduções deste artigo Traduções deste artigo
ID do artigo: 837391 - Exibir os produtos aos quais esse artigo se aplica.
Expandir tudo | Recolher tudo

Sintomas

Em organizações maiores que usam o Microsoft Exchange Server 2003 e o Microsoft Exchange 2000 Server, algumas operações não funcionam corretamente se a resolução de nome NetBIOS não estiver funcionando na rede.

Causa

O Exchange 2003 e o Exchange 2000 ainda têm várias dependências de NetBIOS. Você pode precisar usar a resolução de nomes NetBIOS através de diferentes subredes para que todos os componentes do Exchange funcionem com êxito, dependendo da topologia da rede.

Resolução

A Microsoft recomenda que as organizações Exchange usem o Windows Internet Name Service (WINS) e o DNS para resolução de nomes. As instalações do Exchange 2003 e Exchange 2000 em grandes organizações que usam subredes sem WINS não foram completamente testadas. Em grandes organizações, a resolução de nomes NetBIOS através de difusão pode não funcionar corretamente. Parte da funcionalidade do Exchange também pode ser afetada.

Mais Informações

As seguintes funcionalidades do Exchange ainda dependem da resolução de nomes WINS :
  • O programa de instalação do Exchange Server 2003 e do Exchange 2000 Server, especialmente em servidores de clusters.
  • O Assistente do Exchange Mailbox Merge (ExMerge) em computadores com Exchange 2003 e Exchange 2000.
  • Alterar uma senha para uma caixa de correio do Exchange 2003 ou do Exchange 2000 através do Microsoft Outlook Web Access (OWA).
  • O Exchange System Manager em computadores com o Exchange 2003 e o Exchange 2000.

    Observação Além disso, os clientes Microsoft Outlook anteriores ao Microsoft Office Outlook 2003 também exigem resolução de nomes NetBIOS.

    A lista a seguir resume as recomendações para posicionamento dos controladores de domínio do Active Directory e servidores de catálogo globais para suportar a organização do Exchange:
    • Verifique se o DNS está configurado corretamente no local do hub e em todas as ramificações.
    • Verifique se a resolução de nomes e a funcionalidade DNS estão operando corretamente.
    • Verifique se a função mestre de infra-estrutura não está em um servidor de catálogo global.
    • Em filiais com mais de 10 usuários, um servidor de catálogo global deve ser instalado em cada local que contenha servidores Exchange e a Microsoft recomenda que você distribua dois servidores de catálogo globais para redundância. Se no local físico não existirem dois servidores de catálogo globais, você pode configurar os controladores de domínio existentes como servidores de catálogo globais.
    O Exchange 2003 usa as APIs de resolução de nomes do Windows para procurar por "nomes curtos", também conhecidos como nomes NetBIOS. Contudo, o servidor espera resolver os nomes curtos durante a operação, o cliente ESM espera resolver os nomes curtos ao entrar em contato com os servidores e os clientes Outlook anteriores ao Outlook 2003 esperam resolver o nome curto de um servidor. A menos que todos os clientes e servidores estejam na mesma subrede, a maneira mais fácil de fazer a resolução de nome curto funcionar é configurar um servidor WINS.

    O cluster de servidor no Microsoft Windows Server 2003, no Microsoft Windows 2000 Server e no Microsoft Windows NT Server 4.0 exige o NetBIOS, mas o cluster de servidor não exige necessariamente o WINS para a resolução de nomes. Se usar um servidor DNS que suporta o protocolo de atualização dinâmica para servidores virtuais, os clusters de servidor gravam o registros de recurso "A" no DNS. Então, os clientes podem consultar o DNS para resolver o endereço de IP do servidor virtual. Porém, você não pode evitar que os clusters de servidor criem NetBIOS em objetos TCP/IP para os servidores virtuais.

    Não podem ocorrer conflitos de nome quando você usa o WINS. Em um ambiente WINS, somente um computador pode ser nomeado SERVERA. No DNS, vários computadores podem ser nomeados SERVERA. Por exemplo, um computador pode ser nomeado SERVERA.EUROPE.DOMAIN.COM e outro computador pode ser nomeado SERVERA.AMERICA.DOMAIN.COM. Se um usuário localizado no domínio AMERICA digitar \\SERVERA, será conectado a SERVERA no domínio AMERICA. Se um usuário localizado no domínio AMERICA desejar se conectar a SERVERA no domínio EUROPE, ele deve especificar o nome de domínio totalmente qualificado (FQDN) SERVERA.EUROPE.DOMAIN.COM. Alguns programas devem permitir somente entradas com, no máximo, 15 caracteres para nomes NetBIOS. Esses programas ainda podem funcionar se existir um mecanismo para evitar nomes de hosts duplicados e se a lista de sufixos DNS dos domínios for fornecida a todos os clientes.

    Ainda que o Windows Server 2003 e o Exchange Server 2003 usem FQDNs e DNS para resolução de nomes, o Windows NT 4.0 e o Microsoft Exchange Server 5.5 usam NetBIOS e WINS para resolução de nomes de hosts. Se o computador não tiver um arquivo LMHOSTS, deve haver um servidor WINS disponível para o computador com Exchange 5.5 para que ele possa se comunicar com o computador com Exchange 2003.

    Muitos programas podem funcionar com o NetBIOS desativado, mas não suportam esse tipo de configuração. Por exemplo, o Exchange 2003 e o Exchange 2000 não foram testados sem o NetBIOS, mas podem funcionar sem o NetBIOS em um ambiente de domínio plano. O Microsoft Systems Management Server 2003 exige o NetBIOS, mas o Systems Management Server 2003 Service Pack 1 (SP1) remove essa exigência. A Microsoft tenta verificar se todos os programas funcionam sem o NetBIOS, mas isso somente pode se aplicar a produtos futuros.

    Por padrão, no Windows Server 2003 os serviços do Messenger e os serviços do Alerter estão desativados. Para mensagens de rede que serão transmitidas no Windows Server 2003, você deve ativar e iniciar esses serviços e o registro de conta de destinatário deve existir no WINS.

    Para obter informações adicionais sobre o WINS, visite o seguinte site da Microsoft (em inglês):
    http://www.microsoft.com/technet/prodtechnol/windowsserver2003/serverroles/winsserver/default.asp

Propriedades

ID do artigo: 837391 - Última revisão: segunda-feira, 26 de novembro de 2007 - Revisão: 1.2
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Exchange Server 2003 Enterprise Edition
  • Microsoft Exchange Server 2003 Standard Edition
  • Microsoft Exchange 2000 Server Standard Edition
  • Microsoft Exchange 2000 Enterprise Server
Palavras-chave: 
kbtshoot kbesm kbdirectory kbclustering KB837391

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com