Funcionalidades e funções da versão 1.1 da ferramenta de linha de comandos CSCCMD

Traduções de Artigos Traduções de Artigos
Artigo: 884739 - Ver produtos para os quais este artigo se aplica.
Expandir tudo | Reduzir tudo

INTRODUÇÃO

Este artigo contém informações sobre as funcionalidades e funções da versão mais recente da ferramenta de linha de comandos (Csccmd.exe) de opções da linha de comandos de colocação em cache do lado do cliente (CSCCMD).

Mais Informação

Pode utilizar a ferramenta CSCCMD para gerir ficheiros offline no Microsoft Windows 2000, no Microsoft Windows XP e no Microsoft Windows Server 2003. A versão mais recente da ferramenta CSCCMD é a 1.1. A versão 1.1 inclui novas funções e funcionalidades que não estavam disponíveis nas versões anteriores.

Nota: os utilizadores que usem a ferramenta CSCCMD têm de ter um bom conhecimento da funcionalidade de colocação em cache do lado do cliente.

Para obter a ferramenta CSCCMD, contacte o suporte técnico da Microsoft. Para obter uma lista completa dos números de telefone do suporte técnico da Microsoft, bem como informações sobre os custos de suporte, visite o seguinte Web site da Microsoft:
http://support.microsoft.com/default.aspx?scid=fh;[LN];CNTACTMS
Nota: também pode transferir a CSCCMD 1.0 e outras ferramentas como parte do Windows Server 2003 Resource Kit Tools. Para tal, visite o seguinte Web site da Microsoft:
http://www.microsoft.com/downloads/details.aspx?FamilyID=9d467a69-57ff-4ae7-96ee-b18c4790cffd&displaylang=en
A ferramenta CSCCMD utiliza a seguinte sintaxe:
CSCCMD [/RESID] [/ENABLE] [/DISABLE] [/DISCONNECT:\\Servidor\Partilha] [/MOVESHARE:\\Servidor\Partilha1 \\Servidor\Partilha2] [/?]
Os seguintes parâmetros da linha de comandos e respectivas funções estão disponíveis na versão mais recente da ferramenta CSCCMD:
  • /ENABLE ? Utilize este parâmetro para activar a colocação em cache do lado do cliente (CSC, Client-Side Caching) num cliente. Este parâmetro permite aceder e sincronizar ficheiros de rede enquanto trabalha offline.

    Nota: tem de ser um administrador no computador local para utilizar este parâmetro.
  • /DISABLE ? Utilize este parâmetro para desactivar a CSC. Antes de executar este comando, tem de certificar-se de que todos os ficheiros offline estão fechados. Se desactivar a CSC, não poderá trabalhar offline em ficheiros de rede.

    Nota: tem de ser um administrador no computador local para utilizar este parâmetro.
  • /ENUM[:\\Servidor\Partilha[\Caminho]] [/RECURSE] ? Utilize este parâmetro para visualizar todas as partilhas da cache local. Se utilizar este parâmetro com a opção /RECURSE, a ferramenta CSCCMD apresenta o conteúdo das partilhas numa partilha principal. Também pode visualizar o conteúdo de uma partilha específica de um servidor. Para o fazer, utilize o formato \\Servidor\Partilha. Por exemplo, utilize o seguinte comando:
    CSCCMD /ENUM: \\O_meu_servidor\A_minha_partilha
    Nota: O_meu_servidor é o nome do servidor e A_minha_partilha é o nome do recurso partilhado.
  • /DISCONNECT:\\Servidor\Partilha ? Utilize este parâmetro para desligar um servidor específico da colocação em cache do lado do cliente no computador cliente. Utilize o formato \\Servidor\Partilha para especificar o nome de um recurso partilhado específico de um servidor que pretende desligar. Por exemplo, utilize o seguinte comando:
    CSCCMD /DISCONNECT: \\O_meu_servidor\A_minha_partilha
    O agente de colocação em cache do lado do cliente em segundo plano não tentará ligar ao servidor novamente. Se sincronizar conteúdo offline utilizando o gestor de sincronização, o agente de colocação em cache do lado do cliente estabelecerá novamente ligação ao servidor, se este estiver disponível.

    Nota: deverá existir um identificador aberto nesta partilha ou em qualquer directório/ficheiro desta partilha para que esta função funcione correctamente.
  • /MOVESHARE:\\Servidor1\Partilha \\Servidor2\Partilha ? Utilize este parâmetro para mover ficheiros e directórios entre partilhas na cache. Esta opção é útil se o destino dos ficheiros offline tiver sido movido e se agora a cache local tiver de apontar para uma nova localização. Por exemplo, utilize o seguinte comando:
    CSCCMD /MOVESHARE:\\O_meu_servidor\A_minha_partilha \\O_meu_servidor1\A_minha_partilha1
    Nota: O_meu_servidor1 é o novo nome do servidor e A_minha_partilha1 é o nome do novo recurso partilhado.
  • /RESID ? Utilize este parâmetro para remarcar todas as entradas na base de dados de ficheiros offline do Windows (CSC) utilizando um novo identificador de segurança de utilizador (SID). Este parâmetro é utilizado quando uma organização move contas de utilizador de um domínio do Microsoft Windows NT 4.0 para um domínio do Windows Server 2003.

    Se a segurança da cache de um utilizador tiver sido melhorada utilizando o SID do Windows NT 4.0 do utilizador, não será possível aceder à cache a partir da conta do Windows Server 2003, a menos que as entradas da cache sejam remarcadas utilizando o SID do Windows Server 2003.
  • /ISENABLED ou /ISCSCENABLED ? Utilize um destes parâmetros para determinar se a CSC está activada no computador cliente.
  • /PIN2:\\servidor\partilha\caminho [/USER] [/SYSTEM] [/USERINHERIT] [/SYSTEMINHERIT] ? Utilize este parâmetro para efectuar o pin a recursos partilhados. Pode utilizar a opção /USER para efectuar o pin a um ficheiro. O resultado desta acção é o mesmo de utilizar a caixa de diálogo Ficheiros offline para colocar o ficheiro em cache. A opção /SYSTEM especifica que tem de ser efectuado o pin administrativamente ao recurso partilhado através da configuração de definições da política de grupo. A opção /USERINHERIT e a opção /SYSTEMINHERIT]INHERIT designam como são herdados os dados de pin. Pode utilizar qualquer combinação dos tipos de pin.
  • /PIN2:nome_ficheiro /FILELIST [/UNICODE] [/USER] [/SYSTEM] [/USERINHERIT] [/SYSTEMINHERIT] ? Utilize este parâmetro se pretender utilizar um ficheiro que descreva todos os objectos a que pretende efectuar o pin como parâmetros. O ficheiro contém o caminho de convenção de nomenclatura universal (UNC, Universal Naming Convention) dos objectos a que pretende efectuar o pin. Os objectos são separados por um símbolo de retorno ou de avanço de linha. Por exemplo, utilize o seguinte comando:
    CSCCMD /PIN:A_minha_partilha.txt /FILELIST
    Nota: o ficheiro A_minha_partilha.txt contém entradas separadas por espaços.

    Estas entradas são semelhantes às seguintes:
    //O_meu_servidor/A_minha_partilha//O_meu_servidor1/A_minha_partilha1
    Nota: o parâmetro /PIN não copia o conteúdo do recurso partilhado para a cache local. Efectuar o pin não é suficiente para disponibilizar os ficheiros offline. Depois de utilizar o parâmetro /PIN, tem de executar o comando CSCCMD em conjunto com o parâmetro /FILL para copiar o conteúdo do recurso partilhado para a cache local e para se certificar de que o recurso partilhado será disponibilizado offline. A opção /USERINHERIT e a opção /SYSTEMINHERIT]INHERIT designam como são herdados os dados de pin. Pode utilizar qualquer combinação dos tipos de pin.
  • /UNPIN2:\\servidor\partilha\caminho [/USER] [/SYSTEM] [/USERINHERIT] [/SYSTEMINHERIT] [/RECURSE] ? Utilize este parâmetro para anular o pin de um recurso partilhado ou para remover um recurso partilhado da cache local. Se utilizar este parâmetro com a opção /RECURSE, a ferramenta CSCCMD anula o pin de todos os subordinados do caminho. Se utilizar este parâmetro com a opção /RECURSE2, a ferramenta CSCCMD anula o pin do caminho e de subordinados do caminho. Pode utilizar qualquer combinação dos tipos de pin.
  • /UNPIN2:nome_ficheiro /FILELIST [/UNICODE] [/USER] [/SYSTEM] [/USERINHERIT] [/SYSTEMINHERIT] ? Utilize este parâmetro para anular o pin de um conjunto específico de recursos partilhados utilizando um ficheiro. Pode utilizar qualquer combinação dos tipos de pin.

    Nota: o parâmetro /FILELIST indica que o ficheiro especificado é um ficheiro de texto com um nome de ficheiro por cada linha. Qualquer espaço em branco no início de um ficheiro é ignorado. No entanto, qualquer espaço em branco no fim da linha é contado. As linhas são delimitadas por qualquer combinação de caracteres de retorno, caracteres de avanço de linha ou ambos.

    Se utilizar este parâmetro com a opção /UNICODE, a ferramenta CSCCMD criará a lista de ficheiros no formato de texto Unicode.
  • /FILL:\\Servidor\Partilha\Caminho - Utilize este parâmetro para copiar dados do lado do servidor para a cache local de um recurso partilhado específico.
  • /FILL:Nome_do_ficheiro /FILELIST [/UNICODE] ? Utilize este parâmetro para copiar dados do lado do servidor para a cache local de um conjunto de recursos partilhados específicos utilizando um ficheiro.

    Nota: o parâmetro /FILELIST indica que o ficheiro especificado é um ficheiro de texto com um nome de ficheiro por linha. Qualquer espaço em branco no início de um ficheiro é ignorado. No entanto, qualquer espaço em branco no fim da linha é contado. As linhas são delimitadas por qualquer combinação de caracteres de retorno, caracteres de avanço de linha ou ambos.

    Se utilizar este parâmetro com a opção /UNICODE, a ferramenta CSCCMD criará a lista de ficheiros no formato de texto Unicode.
  • /DELETE:\\Servidor\Partilha\Caminho [/RECURSE] [/RECURSE2] ? Utilize este parâmetro para eliminar um ficheiro, um directório ou uma partilha da cache local. Para eliminar um directório ou uma partilha, deverá certificar-se de que o directório ou a partilha estão vazios antes de utilizar este parâmetro. Se o directório ou a partilha não estiver vazio, não poderá eliminar o directório nem a partilha. Se o ficheiro estiver aberto, não poderá eliminá-lo. Se utilizar este parâmetro com a opção /RECURSE, a ferramenta CSCCMD só funcionará nos subordinados do caminho. Se utilizar este parâmetro com a opção /RECURSE2, a ferramenta CSCCMD funcionará no caminho e nos subordinados do caminho.
  • /ISSERVEROFFLINE:\\Servidor - Utilize este parâmetro para determinar se a CSC considera que um servidor específico está offline.

    Nota: antes de utilizar este parâmetro, tem de abrir qualquer partilha, ficheiro ou directório armazenado na cache local do servidor que pretenda verificar. Se não o fizer, o comando CSCCMD reportará sempre que o servidor está online. Do mesmo modo, o estado de servidor reportado por este comando é o estado reconhecido pela CSC. Não é o estado real do servidor.
  • /SETSPACE:Bytes a definir - Utilize este parâmetro para especificar o espaço de disco em bytes que pretende atribuir aos ficheiros offline temporários. Estes ficheiros offline temporários são ficheiros aos quais não foi efectuado o pin e são colocados em cache automaticamente. Esta função funciona de um modo semelhante ao da função fornecida na caixa de diálogo Ficheiros offline.
  • /CHECKDB [/QUICK] ? Utilize este parâmetro para examinar a base de dados da CSC e visualizar quaisquer sinalizadores de erro da base de dados. Se utilizar este parâmetro com a opção /QUICK, a ferramenta CSCCMD ignorará a enumeração e apresentará apenas os erros da base de dados.
  • /EXTRACT[:\\Servidor\Partilha[\Caminho]] /TARGET:Caminho [/RECURSE] [/ONLYMODIFIED] [/STOPONERROR] ? Utilize este parâmetro para extrair um ficheiro, um directório ou uma árvore de directórios da cache local. Pode utilizar a opção /TARGET para especificar o destino para o qual pretende extrair o ficheiro ou o directório. Pode especificar uma pasta de destino já existente ou pode especificar uma pasta de destino que ainda não existe.

    Nota: se a pasta de destino que especificar ainda não existir, o processo criará automaticamente uma pasta com o nome que especificar.

    Pode utilizar a opção /ONLYMODIFIED para extrair apenas os ficheiros que foram modificados offline. Se utilizar a opção /STOPONERROR, o processo de extracção será interrompido sempre que ocorrer um erro.

    Nota: uma vez que os ficheiros na cache offline utilizam permissões do sistema de ficheiros NTFS, terá de ser um administrador no computador local para utilizar o parâmetro /EXTRACT.

Propriedades

Artigo: 884739 - Última revisão: 9 de maio de 2007 - Revisão: 7.2
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Windows Server 2003 Enterprise Edition
  • Microsoft Windows Server 2003 Standard Edition
  • Microsoft Windows XP Professional Edition
  • Microsoft Windows XP Home Edition
  • Microsoft Windows 2000 Server
  • Microsoft Windows 2000 Professional Edition
Palavras-chave: 
kbhowto KB884739

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com