Poderá observar problemas de desempenho quando estiver a trabalhar com itens num ficheiro .pst ou .ost de grandes dimensões no Outlook 2007

Traduções de Artigos Traduções de Artigos
Artigo: 932086 - Ver produtos para os quais este artigo se aplica.
Expandir tudo | Reduzir tudo

Nesta página

Sintomas

O Microsoft Office Outlook 2007 pára de responder momentaneamente durante operações normais. Isto inclui quando lê, move ou elimina mensagens de correio electrónico.

Estes sintomas são mais pronunciados durante a entrega de correio electrónico ou durante a sincronização. Estes sintomas tornam-se também mais pronunciados à medida que o tamanho do arquivo aumenta. A probabilidade de ocorrência destes sintomas aumenta quando o tamanho do ficheiro .pst ou .ost se aproxima dos 2 GB (gigabytes). Adicionalmente, tornam-se mais pronunciados num ficheiro .pst ou .ost com 4 GB ou mais.

Nota Quando efectua as mesmas operações nas versões anteriores do Outlook, os mesmos problemas de desempenho não ocorrem se o ficheiro .pst ou .ost for de grandes dimensões.

Causa

Para acomodar novas funcionalidades, o Outlook 2007 introduziu uma nova estrutura de dados para os ficheiros .pst e .ost. Nesta nova estrutura de dados, a frequência de escrita de dados no disco rígido aumenta à medida que o número de itens nos ficheiros .pst ou .ost aumenta.

Nota Não é possível criar um ficheiro .pst ou .ost sem esta nova estrutura de dados.

Resolução

Para resolver este problema, instale a actualização descrita no artigo seguinte da Base de Dados de Conhecimento Microsoft:
933493 Description of the update for Outlook 2007: April 13, 2007
A actualização 933493 está disponível para melhorar a resposta geral do Outlook 2007 durante operações comuns. Estas operações incluem ler, mover, eliminar e transferir mensagens de correio electrónico para utilizadores que possuem ficheiros de caixa de correio (ficheiros .pst e .ost) de grandes dimensões armazenados nos respectivos computadores. De um ponto de vista técnico, esta actualização optimiza o padrão segundo o qual o Outlook 2007 escreve num ficheiro .pst ou .ost de grandes dimensões. Isto origina uma redução do acesso ao disco.

Esta actualização para o Outlook 2007 enquadra-se no esforço permanente da Microsoft no sentido de melhorar as experiências dos clientes. Estamos cientes de que alguns clientes encontraram problemas de desempenho durante a execução do Outlook 2007. Esta actualização incorpora vários melhoramentos ao desempenho. Esta actualização foi concebida para efectuar as seguintes acções:
  • Reduzir o tempo necessário para copiar ou mover mensagens de uma pasta para outra.
  • Aumentar a velocidade de transferência de mensagens.
  • Reduzir o tempo necessário para eliminar mensagens.

Mais Informação

Também pode utilizar um dos métodos seguintes para resolver ou minimizar este problema.

Método 1: Reduzir o tamanho da caixa de correio do Exchange

Se reduzir o tamanho da caixa de correio do Exchange, o tamanho do ficheiro .ost também será reduzido. Para reduzir o tamanho da caixa de correio do Exchange, efectue uma ou mais das acções seguintes:
  • Elimine ficheiros na caixa de correio.
  • Arquive os itens existentes na caixa de correio para um ou mais ficheiros .pst.
Também pode eliminar ou arquivar itens manualmente. Alternativamente, poderá utilizar a Limpeza da Caixa de Correio. Para utilizar a Limpeza da Caixa de Correio no Outlook 2007, clique em Limpeza da Caixa de Correio no menu Ferramentas. Na caixa de diálogo Limpeza da Caixa de Correio, pode utilizar qualquer uma das seguintes funcionalidades:
  • Ver o tamanho da caixa de correio.
  • Localizar itens que sejam mais antigos do que um número de dias especificado.
  • Localizar itens que sejam maiores do que um tamanho especificado.
  • Mover itens antigos para o ficheiro de arquivo clicando em Arquivar Automaticamente.
  • Esvaziar a pasta de itens eliminados.
  • Eliminar todas as versões alternativas dos itens na caixa de correio.

Método 2: Utilizar um perfil em modo online em vez de um perfil em modo de cache

Os perfis em modo de cache utilizam um ficheiro .ost para armazenarem a caixa de correio localmente no disco rígido. Se tiver uma caixa de correio do Exchange de grandes dimensões, terá um ficheiro .ost ainda maior. Por exemplo, se o tamanho da caixa de correio for 350 MB (megabytes), o ficheiro .ost poderá ter 475 MB ou mais.

Método 3: Dividir o ficheiro .pst de grandes dimensões em vários ficheiros .pst menores

O Outlook 2007 não tem uma função incorporada para dividir um ficheiro .pst em vários ficheiros .pst. Consequentemente, terá de utilizar um dos passos seguintes para dividir um ficheiro .pst de grandes dimensões:
  1. Utilizar a funcionalidade Arquivar para mover itens para um ficheiro .pst novo. Para o fazer, siga estes passos:
    1. No Outlook 2007, seleccione o ficheiro .pst no painel de navegação.
    2. No menu Ficheiro, clique em Arquivar.
    3. Na caixa de diálogo Arquivar, clique para seleccionar a caixa de verificação Arquivar a pasta abaixo e todas as suas subpastas e clique numa pasta na lista.
    4. Na caixa pendente Arquivar itens anteriores a, clique numa data.
    5. Clique em Procurar, especifique um caminho e nome de ficheiro para um novo ficheiro .pst e clique em OK.

      Nota O novo ficheiro .pst é apresentado na lista Pastas de Correio como Pastas de Arquivo.
    Se pretender alterar o nome a apresentar deste ficheiro .pst, siga estes passos:
    1. Clique com o botão direito do rato em Pastas de Arquivo e, em seguida, clique em Propriedades.
    2. Na caixa de diálogo Propriedades de Pastas de Arquivo clique no separador Avançadas.
    3. Na caixa de diálogo Pastas Pessoais, introduza o novo nome a apresentar na caixa Nome.
    4. Clique em OK duas vezes para regressar ao Outlook.
  2. Utilize a funcionalidade Mover para a Pasta para mover itens para um novo ficheiro .pst. Para o fazer, siga estes passos:
    1. No menu Ficheiro, aponte para Novo e clique em Ficheiro de Dados do Outlook.
    2. Na caixa de diálogo Novo Ficheiro de Dados do Outlook, clique em Ficheiro de Pastas Pessoais (.pst) do Office Outlook e clique em OK.
    3. Especifique um caminho e nome de ficheiro para o novo ficheiro .pst.
    4. Na caixa de diálogo Criar Pastas Pessoais Microsoft, especifique o nome a apresentar do ficheiro .pst na caixa Nome. Este é o nome utilizado pelo Outlook na lista Pastas de Correio.
    5. Na pasta que contém os itens que pretende mover para um novo ficheiro .pst, clique num ou vários itens para mover.
    6. No menu Editar, clique em Mover para a Pasta.
    7. Na caixa de diálogo Mover Itens, clique em Novo.
    8. Na caixa de diálogo Criar Nova Pasta, introduza um nome para a pasta nova na caixa Nome.
    9. Em Seleccione onde pretende colocar a pasta, clique no novo ficheiro .pst e clique em OK.
    10. Na caixa de diálogo Mover Itens, certifique-se de que a nova pasta no novo ficheiro .pst está seleccionada e clique em OK.

Método 4: Utilizar um filtro para restringir os itens a sincronizar do Exchange para o ficheiro .ost

Para configurar um filtro de sincronização para uma pasta de caixa de correio do Exchange específica, siga estes passos:
  1. Clique com o botão direito na pasta e clique em Propriedades.
  2. Na caixa de diálogo Propriedades clique no separador Sincronização.
  3. No separador Sincronização, clique em Filtrar.
  4. Na caixa de diálogo Filtrar, especifique os critérios que serão utilizados para sincronizar os novos itens que pretende que sejam entregues nesta pasta.
  5. Clique em OK duas vezes para regressar ao Outlook.
Nota Este método irá reduzir o tamanho actual do ficheiro .ost. Os itens que tiverem sido anteriormente sincronizados nesta pasta serão removidos da cópia local do ficheiro .ost da próxima vez que o Outlook sincronizar esta pasta. Estes itens serão removidos se não se enquadrarem nos critérios de filtro. Poderá ter de aguardar que a compactação em segundo plano ocorra antes de poder verificar a diminuição do tamanho do ficheiro .ost. Alternativamente, poderá compactar manualmente o ficheiro .ost clicando no botão Compactar Agora nas definições Avançadas da conta do Exchange.

Se utilizar um filtro de sincronização, poderá ver os itens que não estejam sincronizados com o ficheiro .ost utilizando o Microsoft Office Outlook Web Access ou utilizando um cliente do Outlook que esteja configurado para utilizar o modo online num perfil do Outlook.

Se utilizar um computador portátil

Se estiver a utilizar um computador portátil, poderá registar estes problemas mais cedo do que num computador de secretária. Isto ocorre porque os discos rígidos dos computadores portáteis são, de uma maneira geral, mais lentos do que os discos rígidos dos computadores de secretária. Os problemas de desempenho estão relacionados directamente com a velocidade do disco rígido. A adição de mais RAM (random access memory) a um computador não tem qualquer efeito sobre este problema.

Referências

Para obter mais informações sobre ficheiros .pst do Outlook, clique nos números de artigo que se seguem para visualizar os artigos na Base de Dados de Conhecimento Microsoft:
830336 O ficheiro .pst tem um formato e um limite de tamanho diferente no Outlook 2007 e Outlook 2003
832925 Como configurar o limite de tamanho dos ficheiros .pst e .ost no Outlook 2007 e no Outlook 2003
Nota O caminho do registo utilizado no artigo 832925 é relativo ao Outlook 2003. Para o Outlook 2007, utilize o caminho \12.0 em vez do caminho \11.0 mencionado no artigo.

Propriedades

Artigo: 932086 - Última revisão: 27 de novembro de 2007 - Revisão: 4.1
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Office Outlook 2007
Palavras-chave: 
kbtshoot kbbug kbfix kbprb kbemail kbpubtypekc kbexpertisebeginner kboffice2007postrtmfix KB932086

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com