Você está offline; aguardando reconexão

CHKNTFS.EXE: Possibilidades de uso

Support for Windows Server 2003 ended on July 14, 2015

Microsoft ended support for Windows Server 2003 on July 14, 2015. This change has affected your software updates and security options. Learn what this means for you and how to stay protected.

IMPORTANTE: Este artigo contém informações sobre como modificar o Registro. Antes de modificá-lo, faça um backup e certifique-se de que sabe como restaurá-lo caso ocorra algum problema. Para obter informações adicionais sobre como fazer backup, restaurar e editar o Registro, clique no número abaixo para ler o artigo na Base de Dados de Conhecimento da Microsoft.
256986 Descrição do Registro do Microsoft Windows
Sumário
O utilitário Chkntfs.exe foi desenvolvido pela Microsoft e está disponível no Microsoft Windows NT 4.0 Service Pack 2 e em versões posteriores do Windows. É desenvolvido para desabilitar a execução automática do chkdsk em volumes específicos, quando o Windows reinicia após um desligamento inadequado. O Chkntfs também pode ser usado para desprogramar um chkdsk se o chkdsk /f tiver sido usado para agendar um chkdsk em um volume ativo na próxima reinicialização do sistema.
Mais Informações
Cada vez que o Windows reiniciar, o Autochk.exe é chamado pelo Kernel para examinar todos os volumes de modo a verificar se o bit incorreto do volume está definido. Se o bit incorreto estiver definido, o autochk realizará um chkdsk /f imediato nesse volume. O CHKDSK /f verifica a integridade do sistema de arquivos e tenta corrigir quaisquer problemas com o volume. É sempre aconselhável executar o chkdsk em volumes que foram desligados de maneira inadequada, no entanto, podem existir situações nas quais a execução do chkdsk após cada desligamento inadequado não é possível ou não é prática. Em alguns casos, o chkdsk pode levar diversas horas ou mesmo dias para verificar completamente o volume ou pode travar enquanto verifica o volume. Nessas situações, é mais prático adiar o chkdsk até um período mais conveniente.

O Chkntfs é um utilitário que permite que um administrador de sistema retire determinados volumes da verificação feita pelo programa autochk. O utilitário é executado a partir de um prompt de comando e possui as seguintes opções de linha de comando:
   chkntfs drive: [...]   chkntfs /d   chkntfs /x drive: [...]   chkntfs /c drive: [...]     unidade:         Especifica uma letra de unidade.     /D             Restaura o computador para o comportamento-padrão                    ; todas as unidades são verificadas no momento da inicialização                    e o chkdsk é executado naqueles que estão                     incorretos. Isso desfaz o efeito da opção                     /X.     /X             Exclui uma unidade da verificação na inicialização                    -padrão. Unidades excluídas não são acumuladas                     entre invocações de comandos.     /C             Agenda o chkdsk para ser executado na próxima                     reinicialização se o bit incorreto tiver sido definido.				
Se nenhuma opção for especificada, o chkntfs exibirá o status do bit incorreto para cada unidade.

Exemplos:

chkntfs /x c: Isso desabilita a execução do chkdsk na unidade C:

chkntfs /x d: e: Isso desabilita a execução do chkdsk na unidade D: e E:.

Os comandos do chkntfs /x não são cumulativos, o comando substitui quaisquer exclusões de unidades anteriores que tiverem sido estabelecidas. No exemplo acima, o chkntfs apenas desabilita a verificação do chkdsk nas unidades D e E, a unidade C não é verificada em busca da presença de um bit incorreto.

O utilitário chkntfs funciona por meio da modificação do valor BootExcecute no Registro do sistema. O valor BootExecute está localizado na seguinte chave do Registro:
HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CURRENTCONTROLSET\CONTROL\Session Manager
O valor-padrão é:
BootExecute:REG_MULTI_SZ:autocheck autochk *
O Chkntfs /x adiciona um parâmetro /k antes do asterisco. O parâmetro /k impede que determinados volumes sejam verificados em busca da presença de um bit incorreto.

Por exemplo, o comando

chkntfs /x D:

modificaria essa entrada do Registro para autocheck autochk /k:d *

O Chkdsk /f se auto-programa para executar na próxima reinicialização configurando o bit incorreto na unidade. O Chkdsk /x desabilita a verificação para esse bit. O Chkdsk /f não pode nunca ser executado em volumes excluídos das verificações de bit incorretos pelo chkntfs.

Para executar um chkdsk /f em uma unidade que foi excluída pelo utilitário chkntfs, é necessário executar a opção chkntfs /d para retornar o sistema ao seu estado normal ou editar o valor BootExecute no Registro e remover a letra de unidade aplicável do parâmetro /k.

Aviso O uso incorreto do Editor do Registro pode causar sérios problemas que talvez exijam a reinstalação do sistema operacional. A Microsoft não garante que os problemas resultantes do uso incorreto do Editor do Registro possam ser solucionados. O uso do Editor do Registro é de sua responsabilidade.
O Chkdsk /f /r permite que o chkdsk verifique volumes em busca de erros do sistema de arquivos e setores inválidos no disco físico. O Chkdsk /f /r se auto-programa para ser executado na próxima reinicialização do sistema, adicionando uma entrada ao valor BootExecute. Por exemplo,

chkdsk c: /f /r

adiciona a seguinte entrada ao valor BootExecute:
   autocheck autochk /r \??\C:				
Como essa entrada é, na verdade, colocada no Registro, o chkdsk /f /r não é afetado por nenhum comando chkntfs. A única maneira de desabilitar um chkdsk /f /r é remover a linha do valor BootExecute que consulta esse comando.

O utilitário Chkntfs.exe trata todas as unidades como locais ao nó. Isso inclui os recursos de disco físico do Microsoft Cluster Server (MSCS) em uma matriz de unidade compartilhada. Ao usar o Chkntfs.exe para excluir unidades compartilhadas em um cluster, é necessário executar o comando de exclusão em cada nó. Isso deve ser feito para garantir que cada nó do Registro terá as entradas apropriadas. É possível executar o comando apenas para as unidades compartilhadas pertencentes a esse nó. Se o nó não possuir recurso de disco físico, um erro será exibido.
chkdsk chkntfs
Propriedades

ID do Artigo: 160963 - Última Revisão: 05/31/2005 22:04:00 - Revisão: 3.1

Microsoft Windows 2000 Server, Microsoft Windows 2000 Advanced Server, Microsoft Windows 2000 Professional Edition, Microsoft Windows 2000 Datacenter Server, Microsoft Windows NT Workstation 4.0 Developer Edition, Microsoft Windows NT Server 4.0 Standard Edition, Microsoft Windows Server 2003 Service Pack 1, Microsoft Windows Server 2003, Datacenter Edition (32-bit x86), Microsoft Windows Server 2003, Enterprise Edition (32-bit x86), Microsoft Windows Server 2003, Standard Edition (32-bit x86), Microsoft Windows Server 2003, Web Edition

  • kbhowto KB160963
Comentários