Momentan sunteți offline, așteptați să vă reconectați la internet

Como priorizar o uso de BITS por clientes Office 2016 para baixar atualizações

IMPORTANTE: Este artigo foi traduzido pelo software de tradução automática da Microsoft e eventualmente pode ter sido editado pela Microsoft Community através da tecnologia Community Translation Framework (CTF) ou por um tradutor profissional. A Microsoft oferece artigos traduzidos automaticamente por software, por tradutores profissionais e editados pela comunidade para que você tenha acesso a todos os artigos de nossa Base de Conhecimento em diversos idiomas. No entanto, um artigo traduzido pode conter erros de vocabulário, sintaxe e/ou gramática. A Microsoft não é responsável por qualquer inexatidão, erro ou dano causado por qualquer tradução imprecisa do conteúdo ou por seu uso pelos nossos clientes.

Clique aqui para ver a versão em Inglês deste artigo: 3191682
Sumário
Quando você baixa as atualizações do Microsoft Content Delivery rede (CDN) para atualizar clientes do Office 2016, talvez seja necessário priorizar o uso do Windows em segundo plano Interface serviço de transferência (BITS) para gerenciar melhor a largura de banda de rede.
Mais Informações
Importante seguir cuidadosamente as etapas nesta seção. Problemas sérios poderão ocorrer se você modificar o registro incorretamente. Antes você modificá-lo, faça backup do registro para restauração em caso de ocorrerem problemas.

Método 1: Usar a ferramenta de personalização e modelo de administrativa do Office

  1. Baixe o mais recente (de modelosArquivos de modelo administrativo do Office 2016 (ADMX/ADML) e ferramenta de personalização do Office). Um novo GPO (priorizar BITS) é acrescentado para o Office16.admx.
  2. Iniciar o Console de gerenciamento de diretiva de grupo, ative o BITS priorizar em Configuração do computador, expanda Modelos administrativos, expanda Microsoft Office 2016 (máquina) e escolha atualizações.

Método 2: Adicionar uma entrada de registro

Importante Essa seção, método ou tarefa contém etapas que informam sobre como modificar o registro. No entanto, sérios problemas poderão ocorrer caso você modifique o registro incorretamente. Portanto, certifique-se de seguir estes passos cuidadosamente. Para obter mais proteção, faça backup do registro antes de modificá-lo. Em seguida, você poderá restaurar o registro caso ocorra um problema. Para obter mais informações sobre como fazer backup e restaurar o registro, clique no número do artigo a seguir para visualizá-lo na Base de Conhecimento Microsoft:

322756 Como fazer backup e restaurar o registro no Windows

Crie a seguinte entrada do registro.

Subchave do registro: HKEY_LOCAL_MACHINE\software\policies\microsoft\office\16.0\common\officeupdate
Nome de valor do registro: setbitsasprimary
Tipo de registro: REG_DWORD
Valor habilitado: 1 (padrão)

Observações:
  • Este item se aplica somente para criação de cliente do Office que é maior do que ou igual a 16.0.7213.6925.
  • Essa configuração de diretiva aplica-se somente a clientes do Office 365 instalados com clique para executar (edições de Office 2016 clique para executar). Isso inclui o Office 365 ProPlus, Office 365 Business, Visio Pro para Office 365 e projeto Pro para Office 365. Ela não se aplica a produtos do Office que usam o Windows Installer (MSI).
  • Se a configuração de diretiva estiver habilitada, o BITS é usado em dispositivos que estão fazendo o download de atualizações do Office diretamente do CDN do Office.
  • Os dispositivos não usam BITS se as atualizações são obtidas de um compartilhamento de convenção Universal de nomenclatura (UNC) local.
  • Se a configuração de diretiva estiver desabilitada ou não configurada, BITS não é prioridade e o HTTP será o transporte primário para baixar atualizações.
Implantação de BITS Office 2016

Aviso: este artigo foi traduzido automaticamente

Proprietăți

ID articol: 3191682 - Ultima examinare: 09/20/2016 08:30:00 - Revizie: 2.0

Microsoft Office 365 ProPlus, Office 365 Business

  • kbexpertisebeginner kbhowto kberrmsg kbmt KB3191682 KbMtpt
Feedback