Você está offline; aguardando reconexão

Manual de perfis e políticas do Windows NT 4.0 (Parte 1 de 6)

Este artigo foi publicado anteriormente em PT161334
Este artigo foi arquivado. Este artigo é oferecido "tal como está" e deixará de ser actualizado.
Sumário
Este artigo é o primeiro de uma série de artigos que fornecem informações e procedimentos para a implementação de perfis e políticas do Microsoft Windows NT 4.0, em estações de trabalho e servidores de clientes.

Para obter as outras secções deste manual, consulte o(s) seguinte(s) artigo(s) na base de dados de conhecimento da Microsoft (KB, Microsoft Knowledge Base):
185587 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 2 of 6
185588 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 3 of 6
185589 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 4 of 6
185591 Guide to Windows NT 4.0 Profiles & Policies Part 6 of 6
Mais Informação
                   Sistema Operativo Windows NT Server                             Documentação técnica         Manual de perfis e políticas do Microsoft Windows NT 4.0Copyright 1997 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.As informações contidas neste documento representam a perspectiva actual daMicrosoft Corporation sobre os problemas discutidos à data depublicação. Atendendo a que a Microsoft deve responder às alterações das condições do mercado,não deve ser interpretado como um compromisso por parte da Microsoft,e esta não pode garantir a exactidão de quaisquer informações apresentadasapós a data de publicação.Estas informações técnicas são apenas para efeitos informativos. A MICROSOFT NÃO OFERECE QUAISQUERGARANTIAS, EXPRESSAS OU IMPLÍCITAS, NESTE DOCUMENTO.Microsoft, o logótipo BackOffice, MS-DOS, Windows, e Windows NT sãomarcas registadas da Microsoft Corporation.Quaisquer outros nomes de produtos ou empresas mencionados neste artigo, podem ser marcas registadas dosrespectivos proprietários.Microsoft CorporationOne Microsoft WayRedmond, WA 98052-6399E.U.A.0997Resumo========Este manual fornece informações e procedimentos para a implementação de perfis e políticas do MicrosoftWindows NT 4.0, em estações de trabalho cliente e servidores. É apresentada uma caixa de diálogoperfil de utilizador do Microsoft Windows NT 4.0 descreve a configuração do Windows NTpara um utilizador específico, incluindo o ambiente de utilizador eas definições de preferências. Uma política de sistema é um conjunto de definições de registo quedefinem os recursos do computador disponíveis para um grupo de utilizadores ou para umindivíduo. Com a adição de políticas de sistema e da nova estrutura do perfil de utilizadorao Windows NT 4.0, os administradores da rede têm uma maior capacidadepara controlar o ambiente de utilizador.Este documento fornece os detalhes que os administradores necessitam de saber paraimplementar novas versões de perfis de utilizador e políticas de sistema no Windows NT4.0. Embora a ênfase principal seja o Windows NT, estas informações tratam tambémo modo como os perfis de utilizador são processados com os clientes Windows 95 e o modo comoas duas plataformas diferem. Deve utilizar este manual juntamente coma documentação e os Resource Kits do Windows NT 4.0.ÍNDICE========IntroduçãoTCO e o utilizadorPerfis, políticas e o Zero Administration KitO que são perfis de utilizador e políticas de sistema?Antes de começarTerminologia chaveNotas técnicasEstabelecimento de perfis de utilizador - Perspectiva geralCriar e administrar perfis de utilizadorEstrutura do perfil de utilizadorPreferências de configuração armazenadas no ramo de registoPreferências de configuração armazenadas nos directórios de perfil.Diferenças entre o perfil de utilizador do Windows NT 4.0 e perfil de utilizador do Windows 95Modo de tratamento dos perfis de utilizador no Windows 95Planeamento e implementação do perfil de utilizadorDefinir permissões para os perfis de utilizadorCodificar permissões no perfil de utilizadorSeleccionar uma localização para guardar os perfis de utilizadorDefinir ligações persistentesResolver problemas de ligações de rede lentasCriar e manter perfis de utilizadorCriar um novo perfil de utilizador guardado no servidor para o Windows NT 4.0Criar um novo perfil de utilizador obrigatório para o Windows NT 4.0Tornar obrigatório um perfil guardado no servidor no Windows NT 4.0Alterar a capacidade do utilizador para modificar um perfilAplicar a utilização do perfil baseado num servidorCriar um novo perfil de utilizador guardado no servidor para um utilizador do Windows 95Criar um novo perfil de utilizador obrigatório para o Windows 95Manter perfis de utilizador com as propriedades do sistema do painel de controloEliminar perfisAlterar o tipo de perfil de guardado no servidor para localDeterminar o perfil a apresentarCopiar perfisVisualizar o conteúdo do directório de perfis num computador localFicheiros de registo utilizados por perfisPerfil partilhado 'All Users'Perfis de modelo de utilizador predefinidoNomes de perfil e armazenamento no registoAdministrar manualmente o perfil de utilizador através do registoModificar o perfil de utilizador predefinidoActualizar perfis baseados no Windows NT 3.5x Server para perfis guardados no servidor do Windows NT 4.0PerfisActualizar perfis obrigatórios do Windows NT 3.5x para perfis obrigatórios do Windows NT 4.0PerfisExtrair um perfil de utilizador para ser utilizado noutro domínio ou noutra máquinaCriar perfis sem ligações específicas do utilizadorResolver problemas de perfis de utilizador com o ficheiro UserEnv.logPolítica de sistema - IntroduçãoFicheiros de política de sistemaReplicação da políticaModo de aplicação das políticasConsiderações adicionais de implementaçãoEditor de políticas do sistema ('System Policy Editor')Instalar o editor de políticas do sistema num Windows NT WorkstationInstalar o editor de políticas do sistema num computador com o Windows 95Actualização do registo com o editor de políticas do sistemaFicheiros de modelo (.Adm) do editor de políticas do sistemaConfigurar definições de políticaRepor as predefinições dos caminhos de pastaCriar uma política de sistemaCriar caminhos de pasta alternativosConfigurar atalhos para perfis baseados no servidorImplementar políticas em máquinas com o Windows NT 4.0Implementar políticas em máquinas com o Windows 95Modificar definições de política em estações de trabalho autónomasCriar um ficheiro .Adm personalizadoConfigurar políticas de sistema com base na localização geográficaDesmarcar a lista de documentos disponíveisCriar tolerâncias a falhas para pastas partilhadas personalizadasChaves de registo modificadas pelos modelos predefinidos do editor de políticas do sistemaDefinições do utilizador predefinidoAplicação de ecrã do painel de controloPadrão de fundoEsquema de coresComando de execução do menu 'Start'Pastas de definiçõesBarra de tarefas de definiçõesComando 'Find' do menu 'Start'Ícones da unidade 'My Computer'Ícone 'Network Neighborhood'Apresentação de 'Network Neighborhood'Conteúdo do grupo de trabalho 'Network Neighborhood'Apresentação do ambiente de trabalhoComando 'Shut Down' do menu 'Start'Definições guardadasFerramentas de edição do registoRestrições de aplicação do WindowsProgramas personalizadosÍcones do ambiente de trabalho personalizadosSubpastas do menu 'Start'Pasta de arranque personalizadaVizinhança na rede personalizadaMenu 'Start' personalizadoExtensões da shellMenu 'File' do explorador do WindowsGrupos de programas comuns do menu 'Start'Menus de contexto da barra de tarefasMenu de contexto do explorador do WindowsLigações de redeMenu de contexto do explorador do WindowsAutoexec.batScripts de início de sessãoTask ManagerSugestões de boas-vindasPredefinições do computadorActualização remotaComunidadesGestores permitidosTraps para a comunidade públicaComando de execuçãoPartilhas de unidade – Estação de trabalhoPartilhas de unidade - ServidorThread de procura de impressorasAgenda do servidorAlarme sonoro de erroTentativas de autenticaçãoLimite de tempo de autenticaçãoIntervalo de chamada de retorno RASDesligar automaticamente RASCaminho da pasta de programas partilhadosCaminho dos ícones do ambiente de trabalho partilhadoCaminho do menu 'Start' partilhadoCaminho da pasta de arranque partilhadoFaixa de início de sessãoBotão 'Shut Down' da caixa de diálogo de início de sessãoApresentação do nome de início de sessãoScripts de início de sessãoNomes de ficheiro longosCaracteres expandidos em nomes de ficheiro tipo 8.3Ficheiros 'Read Only' - Data/hora do último acessoPerfis guardados no servidor na memória cacheDetecção de rede lentaTempo excedido em rede lentaLimite de tempo da caixa de diálogoEntradas de registo não incluídas no editor de políticas do sistemaExecução automáticaFaixa de inícioApêndice B – Implementação de perfis de utilizadorPerfil guardado no servidor existente do Windows NT 3.5xPerfil guardado no servidor existente do Windows NT 3.5xMigrar o perfil guardado no servidor do Windows NT 3.5x para o perfil guardado no servidor do Windows NT 4.0armazenado centralmente.Migrar o perfil obrigatório do Windows NT 3.5x para o perfil obrigatório do Windows NT 4.0armazenado centralmente.Migrar o perfil obrigatório Windows NT 3.5x para o perfil guardado no servidor do Windows NT 4.0armazenado centralmente.Criar um novo perfil guardado no servidor do Windows NT 4.0Criar um novo perfil obrigatório do Windows NT 4.0Actualizar e alterar um perfil guardado no servidor para um perfil obrigatórioAlterar um perfil guardado no servidor para um perfil obrigatórioApêndice C – Notas de utilizaçãoInformações importantes para os administradores acerca de inícios de sessão do utilizador efins de sessão do utilizadorActualizações recentes de perfis desde o lançamento de revendaActualizações recentes de políticas desde o lançamento de revendaAPÊNDICE D – Artigos relacionados da base de dados de conhecimento (KB, <Formatting Type="I">Knowledge Base</Formatting>)PerfisPolíticasINTRODUÇÃO============Há poucos anos, os profissionais das tecnologias de informação enfrentaramum sério desafio no que diz respeito ao controlo de custos crescentes da utilização de computadores mainframe. Parecia quetodos os empregados de escritório, escritores, programadores e administradores de sistematinham terminais e estavam a utilizar o sistema para todo o tipo de operações, doprocessamento de números à redacção de cartas. As redes ficaram congestionadas eos profissionais de TI foram encarregados de retirar "operações não essenciais"do mainframe. Estes profissionais decidiram implementar computadores pessoaisnas empresas com software de emulação para terem acesso a mainframes e software local,para tarefas em que o processamento central ou a partilha de dados não eram necessários.Progressivamente, à medida que os PCs se tornaram mais poderosos, cada vez mais operações foram sendo movidas para oambiente de trabalho. E, à medida que o funcionamento em rede de PCs se foi estendendo, muitas empresas acharam que uma rede baseada em PCs,construída com base em hardware e software disponível para instalação,era a melhor solução.Recentemente, contudo, esta solução esgotou-se. Aparentemente o custo totalde propriedade (ou TCO, <Formatting Type="I">Total Cost of Ownership</Formatting>), que representa o custo real de manutenção de uma redede computadores pessoais distribuída, está longe de ser baixo. O TCO inclui o custode capital inicial de hardware e software, despesas de implementação e configuração,custos associados à implementação de actualizações de hardware e software,formação e reciclagem, manutenção e administração diárias esuporte técnico por telefone e no local. Tendo em conta estes custos crescentes,a Microsoft e outras empresas estão a trabalhar em conjunto em várias iniciativas paradiminuir o custo total de propriedade de computadores pessoais.TCO E O UTILIZADOR================Um dos maiores custos, realçados em relatórios recentes sobre o custo total depropriedade, é a perda de produtividade no ambiente de trabalho, causada por erros do utilizador,como, por exemplo, alterar a configuração do sistema e tornar o computadorinutilizável, ou distracções e complexidades do sistema, como, por exemplo, demasiadasfuncionalidades ou aplicações desnecessárias instaladas no ambiente de trabalho. Para resolverestes problemas, os administradores do sistema necessitam de meios para controlar o acessodos utilizadores aos principais ficheiros de configuração e a funcionalidades e aplicações quenão são necessárias para a execução de um determinado trabalho. Para terem êxito, estesmeios de controlo devem ser flexíveis e personalizáveis: o administradordo sistema deve ser capaz de controlar as configurações do computador deindivíduos e grupos de utilizadores, com base nas tarefas do utilizador ena capacidade do mesmo de utilizar o computador.PERFIS, POLÍTICAS E O ZERO ADMINISTRATION KIT===================================================O ZAK (<Formatting Type="I">Zero Administration Kit</Formatting>) para o sistema operativo Microsoft Windows NT versão 4.0foi concebido para auxiliar o administrador da empresa a resolveralguns dos problemas que possam surgir das operações efectuadas pelo utilizador. O ZAK consiste num conjunto demetodologias de implementação do Microsoft Windows NT 4.0, que reduzem substancialmentea carga da gestão de ambientes de trabalho individuais para trabalhadores baseados em tarefas. Com oZAK, os administradores do sistema podem estabelecer perfis de utilizador, políticas de sistemae segurança para reduzir alguns dos custos administrativos associados àgestão de utilizadores finais na rede de uma empresa.As metodologias do ZAK baseiam-se nas tecnologias enas capacidades subjacentes do Windows NT 4.0, pelo que podem ser rapidamenteadaptadas para acomodar os requisitos informáticos específicos de uma empresa.Num futuro próximo, irão surgir funcionalidades adicionais capazes de reduzir o TCOno Microsoft Windows 98, Windows NT 5.0 e Microsoft Systems ManagementServer. Fundamental para estas funcionalidades é a ideia de um controlo do ambiente de trabalhocentralizado. Isto é levado a cabo através dos perfis de utilizador e políticas de sistema,que são tratados neste documento.O QUE SÃO PERFIS DE UTILIZADOR E POLÍTICAS DE SISTEMA?===========================================Um perfil de utilizador do Microsoft Windows NT 4.0 descreve a configuração do Windows NTpara um utilizador específico, incluindo o ambiente de utilizador eas definições de preferências. Por exemplo, essas definições e opções de configuraçãoespecíficas do utilizador, tais como, aplicações instaladas, ícones do ambiente de trabalho, opçõesde cor, etc., estão contidas num perfil de utilizador. Este perfil éconstruído, por um lado, a partir de informações da política de sistema (por exemplo, elementosaos quais o utilizador tem acesso e aqueles que o utilizador pode e não podealterar) e, por outro lado, a partir de alterações permitidas e guardadas, que um utilizador efectua parapersonalizar o ambiente de trabalho.Uma política de sistema é um conjunto de definições de registo que definemos recursos de um computador disponíveis para um grupo de utilizadores ou para um indivíduo.As políticas definem as várias facetas do ambiente de trabalho queum administrador de sistema necessita de controlar como, por exemplo, as aplicações que se encontramdisponíveis, as aplicações que aparecem no ambiente de trabalho do utilizador, asaplicações e opções que aparecem no menu 'Start', quem tem capacidade ou não para alteraros atributos dos ambientes de trabalho, etc.Com a adição de políticas de sistema e da nova estrutura do perfil de utilizador aoWindows NT 4.0, os administradores de rede têm actualmente uma maior capacidade para controlaro ambiente de utilizador. Muitos dos pedidosque os clientes apresentaram, incluindo o fornecimento de mais opções de controlodo ambiente de trabalho do utilizador, acessibilidade a aplicações e a ferramentas do sistema,redução da sobrecarga administrativa e melhoramentos de escalabilidade, foramadicionados. E, tal como em todas as edições, a Microsoft encoraja os comentáriosdo cliente sobre os melhoramentos introduzidos no sistema operativo do Windows NT.Este documento fornece os detalhes de que os administradores necessitam para implementarperfis de utilizador e políticas do sistema no Windows NT 4.0.Embora a ênfase principal seja o Windows NT, este documento trata tambémo modo como os perfis de utilizador são processados com os clientes Windows 95, e as diferençasentre as duas plataformas.ANTES DE COMEÇAR================Antes de continuar com este documento, recomendamos que leia os capítulos3 e 4 do 'Concepts and Planning Guide' do Windows NT 4.0. Além disso,deve familiarizar-se com os termos e conceitos que se seguem.TERMINOLOGIA CHAVE===============Replicação de directórioA cópia de um conjunto principal de directórios a partir de um servidor (designado porservidor de exportação) para servidores ou estações de trabalho específicos (designados por computadores deimportação), nos mesmos ou noutros domínios. A replicação simplifica a tarefade manutenção de conjuntos idênticos de directórios e ficheiros em várioscomputadores, uma vez que só é mantida uma cópia principal dos dados.Os ficheiros são replicados quando são adicionados a um directório de exportação e sempre queuma alteração é guardada num dos ficheiros exportados.Estrutura de domínioNo Windows NT, um domínio é um conjunto de computadores definido peloadministrador de uma rede do Windows NT Server, que partilha uma base de dadosdatabase. Um domínio fornece acesso às contas de utilizador e contas de grupocentralizadas, mantidas pelo administrador de domínio. Cada domínio tem umnome exclusivo.Directório raizUm directório raiz é um directório acessível ao utilizador econtém ficheiros e programas para esse utilizador. Um directório raiz pode seratribuído a um único utilizador ou a um grupo de utilizadores.Perfil localUm perfil local é específico de um computador. Um utilizador que tenha um perfil localnum determinado computador, pode obter acesso a esse perfil apenas quando temsessão iniciada nesse computador.Perfil obrigatórioUm perfil obrigatório é um perfil guardado no servidor pré-configurado e que o utilizadornão pode alterar. Na maior parte dos casos, são atribuídos a uma pessoa ou a um grupo depessoas para quem uma interface comum e uma configuração padrão são necessárias.Serviço NetlogonPara o Windows NT Server, o serviço Netlogon autentica os inícios de sessão de domínioe mantém a base de dados do directório de domínio sincronizada entre o controladorde domínio principal (PDC, 'Primary Domain Controller') e os controladores de domínio secundários (BDCs, 'Backup Domain Controllers').Regedt32.exeVersão de 32 bits do editor de registo.RegistoO registo é uma base de dados onde as informações sobre a configuração internado Windows NT, bem como as definições específicas do computador ou do utilizador, são armazenadas.Ramo de registoUm ramo é uma secção do registo que é guardada como ficheiro. A subárvoredo registo é dividida em ramos (assim designados devido à sua semelhança com a estruturade uma árvore). Um ramo é um corpo discreto de chaves, subchaves evalores.Perfil guardado no servidorUm perfil guardado no servidor é armazenado numa partilha de rede e pode ser acedido a partirde qualquer computador. Um utilizador que tenha um perfil guardado no servidor pode iniciar sessão em qualquer computadorpara o qual esse perfil seja válido e aceder ao perfil. (Repare que umperfil só é válido na plataforma para a qual foi criado, porexemplo, um perfil do Windows NT 4.0 não pode ser utilizado num computador como Windows 95.)Utilizador móvelUm utilizador móvel é um utilizador que inicia sessão na rede, a partir de computadoresdiferentes e em alturas diferentes. Este tipo de utilizador pode utilizar um lugar público ou podepartilhar um banco de computadores com outros utilizadores. Um utilizador móvel armazena o perfilde utilizador numa partilha de rede e pode iniciar sessão em qualquer computadorligado em rede e aceder a esse perfil.Política de sistemaUma política de sistema é um conjunto de definições de registo que definemos recursos de um computador disponíveis para um grupo de utilizadores ou para um indivíduo. Podecriar políticas de sistema com o editor de políticas do sistema. As políticas de sistemapermitema um administrador controlar os ambientes de trabalho e as acções do utilizador eimpor configurações de sistema.%systemroot%Variável de ambiente que é expandida para se tornar no directório raiz,que contém ficheiros do Windows NT. O nome do directório é especificado quando o WindowsNT é instalado (normalmente, este nome do directório é c:\winnt).%systemroot%\profilesPasta no directório raiz que contém os perfis de utilizador para cadautilizador do computador.%nome_de_utilizador%Variável de ambiente que é expandida para se tornar no ID da conta do utilizador para outilizador com sessão iniciada actualmente. Isto identifica a conta do utilizador para o Windows NT.NOTAS TÉCNICAS===============Várias partes deste manual referem-se às localizações de registo, que permitema alteração de determinados comportamentos do Windows NT, bem como a modificação de definições. Por estemotivo, foi incluído o aviso que se segue.Atenção:A utilização incorrecta do editor de registo pode causar problemas globais do sistema que,para serem resolvidos, podem necessitar da instalação do Windows NT. A Microsoft nãogarante que os problemas resultantes da utilização do editor de registo possamser resolvidos. Além disso, partes deste manual referem-se ao ramo de registodesignado por NTuser.xxx. Em casos em que isto é utilizado, .xxx pode ser substituídopor .dat ou .man.ESTABELECIMENTO DE PERFIS DE UTILIZADOR – PERSPECTIVA GERAL========================================Um perfil de utilizador do Microsoft Windows NT 4.0 descreve a configuração do Windows NTpara um utilizador específico, incluindo o ambiente de utilizador eas definições de preferências. Um perfil de utilizador pode ser local, guardado no servidor ou obrigatório. É apresentada uma caixa de diálogoperfil local é específico de um determinado computador. Um utilizador que cria um perfillocal, num determinado computador, pode obter acesso a esse perfil apenasquando tem sessão iniciada nesse computador. Em contrapartida, um perfil guardado no servidor é armazenadonuma partilha de rede e pode ser acedido a partir de qualquer computador ligado à rede. Um utilizadorque tenha um perfil guardado no servidor pode iniciar sessão em qualquer computador ligado em rede para o qualesse perfil seja válido e aceder ao perfil. Um perfil obrigatório é umperfil guardado no servidor pré-configurado e que o utilizador não pode alterar. Como administradordo sistema, pode ter de utilizar perfis obrigatórios para um grupo depessoas que requerem uma interface comum e uma configuração padrão.Um dos objectivos principais dos perfis de utilizador é permitir que o sistema do utilizador eas personalizações do ambiente de trabalho viajem com o utilizador, de computador para computador,sem ser necessário o utilizador reconfigurar quaisquer definições. Quando um utilizador inicia sessãoem qualquer computador que suporte o perfil guardado no servidor, é apresentado o ambiente de trabalho,tal como o utilizador o deixou da última vez que terminou a sessão. Com osuporte de utilizador móvel, os utilizadores podem partilhar computadores, embora cada um tenha o seupróprio ambiente de trabalho em qualquer computador na rede (o perfil guardado no servidor eo perfil obrigatório suportam esta funcionalidade).CRIAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE PERFIS DE UTILIZADOR========================================Os perfis de utilizador podem ser criados e administrados de várias formas diferentes, as quais serãodescritas a seguir. Repare que, como administrador do sistema, pode determinarse os utilizadores podem ou não modificar os perfis. - Cria um perfil de utilizador, que não seja modificável, para um utilizador ou grupo   específicos (isto é um perfil obrigatório). - Estabelece um perfil de utilizador predefinido de rede, que seja aplicável a todos os novos   utilizadores de computadores com o Windows NT 4.0. Depois de transferir este perfil   predefinido e de iniciar a sessão, o utilizador pode personalizar o perfil (desde que   não seja obrigatório). - Permite que um novo utilizador utilize o perfil de utilizador predefinido local no   computador com o Windows NT 4.0 no qual o utilizador inicia a sessão. Depois de iniciar a sessão, o   utilizador pode personalizar o perfil (desde que não seja obrigatório). - Copia um modelo de perfil de utilizador e atribui a cópia a um utilizador. O parâmetro   utilizador pode então personalizar o perfil (desde que não seja um   perfil obrigatório).Os perfis podem ser armazenados num servidor de rede ou guardados na memória cache na máquina local.(Os perfis na cache estão localizados no directório \%systemroot%\Profiles.)A colocação de um perfil na cache reduz o tempo total para iniciar a sessão e transferir o perfil;no entanto, num ambiente de utilizador móvel ou de lugar público, esta abordagem pode não sera ideal. Esta opção é controlada pelo administrador.ESTRUTURA DO PERFIL DE UTILIZADOR======================Um perfil de utilizador é constituído por um ramo de registo do Windows NT e por um conjunto dedirectórios de perfil. O registo é uma base de dados utilizada para armazenar definições específicas damáquina e do utilizador e partes do registo podem ser guardadas comoficheiros, designados por ramos. Estes ramos podem então ser recarregados para utilização,sempre que for necessário. Os perfis de utilizador tiram partido da funcionalidade de ramo para fornecer afuncionalidade de perfil guardado no servidor.O ramo de registo do perfil de utilizador é NTuser.dat, no formato de ficheiro, e émapeado para a parte do registo HKEY_CURRENT_USER, quando o utilizador iniciaa sessão. O ramo NTuser.dat mantém as preferências do ambiente de trabalho do utilizador quandoeste inicia a sessão. Armazena as definições que mantêm as ligaçõesde rede, as configurações do painel de controlo exclusivas do utilizador (como, por exemplo,a cor do ambiente de trabalho e o rato) e as definições específicas de aplicações. A série de directóriosde perfis armazena ligações de atalhos, ícones do ambiente de trabalho, aplicaçõesde arranque, etc. Em conjunto, estes dois componentes registam todas asdefinições configuráveis que podem migrar de um computador para outro.Os detalhes são fornecidos abaixo.PREFERÊNCIAS DE CONFIGURAÇÃO ARMAZENADAS NO RAMO DE REGISTO=====================================================O ficheiro Ntuser.dat contém as definições de configuração que se seguem. - Definições do Windows NT Explorer. Todas as definições configuráveis pelo utilizador para o Windows   NT Explorer, bem como ligações persistentes à rede. - Barra de tarefas. Todos os grupos de programas pessoais e respectivas propriedades, todos os itens   de programas e respectivas propriedades e todas as definições da barra de tarefas. - Definições da impressora. Todas as ligações a impressoras de rede. - Painel de controlo. Todas as definições configuráveis pelo utilizador, efectuadas no painel de controlo. - Acessórios. Todas as definições de aplicações específicas do utilizador que afectam o   ambiente do Windows NT, incluindo: calculadora, relógio, bloco de notas, Paint e   Hyperterminal, entre outros. - Marcadores de ajuda. Quaisquer marcadores colocados no sistema de ajuda do Windows NT.   Preferências de configuração armazenadas nos directórios de perfil.   Os directórios de perfil são concebidos para conter as definições   de configuração que se seguem. - Dados da aplicação. Dados específicos de aplicações como, por exemplo, um dicionário   personalizado para um programa de processamento de texto. Os fornecedores das aplicações decidem quais   os dados que devem ser armazenados neste directório. - Ambiente de trabalho. Itens do ambiente de trabalho, incluindo ficheiros e atalhos. - Favoritos. Atalhos para os itens dos programas e localizações favoritas. - NetHood.* Atalhos para os itens da vizinhança na rede. - Pessoal. Atalhos para itens de programas. Também um arquivo central para quaisquer   documentos criados pelo utilizador. As aplicações devem ser escritas para guardar   ficheiros nesta localização por predefinição. - PrintHood.* Atalhos para itens da pasta de impressora. - Recente. Atalhos para os itens utilizados mais recentemente. - SendTo. Atalhos para localizações e aplicações de armazenamento de documentos. - Menu 'Start'. Atalhos para itens de programas. - Modelos.* Atalhos para itens modelo.   * Estes directórios estão ocultos por predefinição. Para visualizar estes directórios,   altere as opções de visualização.WINDOWS NT 4.0 E WINDOWS 95 – DIFERENÇAS DO PERFIL DE UTILIZADOR========================================================Embora existam algumas diferenças, os perfis do Windows 95 assemelham-se muito aos perfis do Windows NT 4.0no que diz respeito ao comportamento.Ao contrário do Windows NT 4.0, o Windows 95 transfere e escreve perfis de utilizador nodirectório raiz do utilizador. Quando o utilizador do Windows 95 inicia a sessão, o caminhoUNC, especificado no caminho do directório raiz da conta do utilizador, é verificado parao perfil de utilizador do Windows 95. Pode, no entanto, modificar este comportamento. Consulteo Windows 95 Resource Kit para obter mais informações. Os perfis de utilizador do Windows 95 e do WindowsNT 4.0 têm ainda as seguintes diferenças funcionais: - O Windows 95 não suporta grupos comuns. - O Windows 95 pode ser configurado para copiar apenas o atalho (.lnk) e   os ficheiros de informações do programa (.pif) quando o perfil de utilizador é transferido,   enquanto o Windows NT transfere todos os objectos de ficheiro, de atalho e de directório. - Os perfis de utilizador do Windows 95 não suportam um perfil de utilizador predefinido   armazenado centralmente. - O Windows 95 utiliza ficheiros diferentes para a parte do registo dos perfis   de utilizador. (Consulte a tabela seguinte.) Windows 95 e Windows NT 4.0   não são permutáveis, principalmente porque o ramo de registo,   que é um componente chave do perfil de utilizador, é incompatível entre   as versões do sistema operativo.   Ficheiro do Windows NT 4.0   Ficheiro equivalente do Windows 95   ---------------------------------------------------------------   Ntuser.dat                   User.dat   Ntuser.dat.log               User.da0   Ntuser.man                   User.manNOTA: O ficheiro User.da0 do Windows 95 e o ficheiro Ntuser.dat.log do Windows NT 4.0, apesar deequivalentes, fornecem uma funcionalidade ligeiramente diferente. O Windows 95 grava umacópia do User.dat no User.da0 sempre que o utilizador termina a sessão. O Windows NT utilizao ficheiro Ntuser.dat.log como um ficheiro de registo de transacções. Isto permite tolerânciaa falhas na eventualidade de recuperação de um perfil de utilizador.As estruturas dos ficheiros do Windows 95 e do Windows NT 4.0 são idênticas,à excepção do directório de dados da aplicação. O Windows 95 não suportaeste directório.Os perfis de utilizador do Windows 95 podem ser armazenados em servidores NetWare. Para obter maisinformações sobre como configurar um cliente com 'Iniciar primeiro sessão na rede' do'Cliente para redes NetWare', consulte o capítulo "Windows 95 on NetWare Networks" noWindows 95 Resource Kit. Para obter mais informações sobre como configurar um clienteque utiliza os serviços da Microsoft para os serviços de directório NetWare, consulte a ajudaonline, que acompanha o serviço.				
wpaper
Propriedades

ID do Artigo: 161334 - Última Revisão: 12/04/2015 15:59:39 - Revisão: 3.1

Microsoft Windows NT Server 4.0 Standard Edition, Microsoft Windows NT Workstation 4.0 Developer Edition, Microsoft Windows 95

  • kbnosurvey kbarchive kbinfo kbinterop kbenv KB161334
Comentários