21 de julho de 2016 — KB3172614

Esta atualização inclui melhoramentos de qualidade. Não foram incluídas atualizações de segurança novas. As alterações principais incluem:


  • Foi adicionado suporte para autenticação de múltiplas contas com o AD FS (Serviços de Federação do Active Directory) através do parâmetro de consulta "prompt".

  • Foi resolvido o problema em Adaptadores de Barramento Anfitrião (HBA) que incluía dispositivos HBA sem Canal de Fibra na lista de HBA de Canal de Fibra.

  • Foi adicionado suporte para definir o valor de tempo limite de inatividade de uma ligação TCP utilizada por WinHTTP.

    Nota

    Não se recomenda a utilização desta definição porque pode causar problemas nas aplicações.


    O valor predefinido do tempo limite é de dois minutos. Para alterar o tempo limite utilize a função WinHttpSetOption com dwOption definido para 135. Esta opção só pode ser definida num identificador de sessão antes de quaisquer pedidos ou identificadores de ligação serem criados para a sessão. Este valor não pode ser modificado após a criação dos pedidos ou identificadores de ligação. Para obter mais informações, consulte WinHttpSetOption function.

  • Foi resolvido o problema em que as tarefas de impressão deixavam de funcionar quando os controladores de impressão v4 são configurados para utilizar a Configuração de Controlador Avançado.

  • O serviço de Ambiente de Trabalho Remoto pode ser suspenso quando a Virtualização de IP é configurada e existe um número elevado de sessões de ambiente de trabalho remoto.

  • Suporte melhorado na Interface de Programação de Aplicações Criptográficas da Microsoft (CryptoAPI) para ajudar a identificar sites que utilizam Algoritmo Hash Seguro 1 (SHA-1).

  • Executar o comando GPRESULT com a opção verbose resulta numa falha e os clientes não conseguem auditar as políticas de utilizador ou de máquina.

  • O sistema indica um problema de danos na cadeia (de carateres) para AccessReason nos registos de Auditoria do Evento com ID 4656. Estes eventos são indicados num Registo de auditoria de segurança, semelhante ao que que segue:

    Nome do Registo           : Segurança
    Origem                 : Microsoft-Windows-Security-Auditing
    Data                    : data e hora
    ID de Evento              : 4656
    Categoria de Tarefa     : categoria de tarefa
    Nível                   : Informação
    Palavras-chave            : palavras-chave
    Utilizador                    : N/A
    Computador           : nome do computador

  • Esta atualização alarga o suporte para o Serviço de Gestão de Chaves (KMS) para Windows 8 e Windows Server 2012 para permitir a ativação de clientes que executam o LTSB (Long-term Servicing Branch) baseado na Atualização de Aniversário do Windows 10 e clientes Windows Server 2016, quando ficarem disponíveis.

    Além da instalação desta atualização no Anfitrião do KMS, também é necessário instalar uma chave de licenciamento em volume do KMS (GVLK) criada para suportar o LTSB baseado na Atualização de Aniversário do Windows 10 ou os clientes Windows Server 2016. As informações sobre as GVLKs do KMS associadas para estes produtos serão listadas em Anexo A: Chaves de Configuração do Cliente KMS quando ficarem disponíveis.

    As GVLKs do KMS que suportem as novas versões do Windows também suportarão edições de licenciamento em volume anteriores do Windows que ajam como clientes KMS. Para obter mais informações sobre como utilizar uma Chave de Licença de Volume de Suporte ao Cliente (CSLVK) para instalação, consulte este artigo.

  • Quando implementa o Windows Server 2008 R2 Service Pack 1 (SP1) através dos Serviços de Implementação do Windows (WDS), se os clientes forem EFI (Extensible Firmware Interface) Unificado e estiverem num ambiente encaminhado, não recebem corretamente os pacotes do protocolo DHCP (Dynamic Host Configuration Protocol). Isto resulta numa falha da implementação do WDS nesses clientes.

  • Quando ativa o BitLocker no volume e, em seguida, expande o volume no Windows Server 2012 R2, são apresentados erros do gestor de cache e os comandos falham. Estes são registados no Registo do sistema com o erro 141 - STATUS_MEDIA_WRITE_PROTECTED.

  • Quando um utilizador não administrador abre um ficheiro do Access numa pasta WebDav, poderá não conseguir guardar o ficheiro devido a um erro de Eliminação Pendente.

  • Quando uma aplicação está a escrever dados com a API VirtualChannelWrite, fecha o canal virtual logo após obter o evento de conclusão de escrita; tal pode resultar na eliminação dos dados.

  • Quando utiliza o controlador NVM Express (NVMe) para obter os números de firmware e modelo da unidade de estado sólido (SSD), o controlador NVMe trunca os números de firmware e modelo devolvidos pelos dispositivos NVMe.

  • Quando tenta configurar ligando um dispositivo de armazenamento SCSI a um Anfitrião Hyper-V do Windows, o Anfitrião não reconhece o dispositivo de armazenamento SCSI quando a Unidade lógica (LUN) 0 não está presente.

  • Quando ocorrem mais alterações na sessão de registo no sistema devido à execução das cargas de trabalho, o Registo de Eventos (ETW) falha.

  • Quando altera as definições da aplicação com Set-ADFSRelyingPartyTrust sem definir explicitamente AlwaysRequireAuthentication, a predefinição (falso) do bit AlwaysRequireAuthentication será reposta e a Autenticação Multifator (MFA) não será pedida aos utilizadores.

  • Quando configura o Windows Server 2012 R2 para a autenticação baseada na nuvem, há uma latência elevada nos inquilinos para autenticação e aprovisionamento que faz com que a utilização da CPU desça para menos de 10%.

  • Quando tenta importar um certificado para um Smart Card Virtual (VSC) num tablet baseado em Windows (no TPM), poderá ocorrer uma falha. Isto pode causar a suspensão do certificado e impedir a inscrição de certificados adicionais.

  • Foi resolvido um problema no Canal Seguro Microsoft (SChannel) que por vezes causava falhas nas ligações Transport Layer Security (TLS) 1.2 caso o certificado de raiz estivesse configurado como parte da cadeia de certificados para autenticação de servidor.

  • Quando um servidor Exchange tenta restabelecer a sessão do cliente Kerberos durante uma ativação pós-falha de cluster, o sistema pode deixar de responder.

  • Foi atualizado o componente de caixa de entrada no Windows Server 2012 R2 Essentials para utilização do novo conector de cliente, para que o componente de caixa de entrada não seja desinstalado durante as atualizações do Windows 10.

  • Melhoramento da fiabilidade de Réplica do Hyper-V (HVR) mediante o aumento do valor do tempo limite e do limiar de espaço livre em disco. Para obter mais informações, consulte KB3184854.

  • Se instalou o update rollup de maio de 2016 para Windows 8.1 e Windows Server 2012 R2 (KB3156418), o processo de DFSRS.exe pode consumir uma percentagem elevada da capacidade de processamento da CPU (até 100 por cento). Isto pode fazer com que o serviço DFSR deixe de responder e poderá não ser possível parar o serviço. Tem de efetuar o arranque de hardware dos computadores afetados para reiniciá-los.

Para obter mais informações sobre como obter esta atualização e uma lista completa dos ficheiros afetados, consulte KB3172614.

Precisa de mais ajuda?

Aumente os seus conhecimentos
Explore as formações
Seja o primeiro a obter novas funcionalidades
Aderir ao Microsoft insiders

As informações foram úteis?

Obrigado pelos seus comentários!

Obrigado pelo seu feedback! Parece que poderá ser benéfico reencaminhá-lo para um dos nossos agentes de suporte do Office.

×