ID do artigo: 307654 - Exibir os produtos aos quais esse artigo se aplica.
Expandir tudo | Recolher tudo

Neste artigo

INTRODUÇÃO

Recomendamos que você use o Console de Recuperação somente quando o Modo de Segurança e outras opções de inicialização não funcionarem. O Console de Recuperação só é recomendado para usuários avançados que possam usar comandos básicos para identificar e localizar drivers e arquivos com problemas. Além disso, você precisa ser um administrador para usar o Console de Recuperação.

Há duas maneiras de iniciar o Console de Recuperação:
  • Se não puder iniciar o Windows e o Console de Recuperação não tiver sido instalado no computador anteriormente, é possível executar o Console de Recuperação pelo CD de Instalação.
    Clique em "Como usar o Console de Recuperação" para obter informações detalhadas.
  • Em alternativa, também é possível instalar o Console de Recuperação no seu computador para disponibilizá-lo caso não seja possível reiniciar o Windows. É possível selecionar a opção Console de Recuperação na lista de sistemas operacionais disponíveis na inicialização.
    Clique em "Como instalar o Console de Recuperação" para obter informações detalhadas.


Mais Informações

Como instalar o Console de Recuperação

É possível instalar o Console de Recuperação no computador para disponibilizá-lo caso você não consiga reiniciar o Windows. É possível selecionar a opção Console de Recuperação na lista de sistemas operacionais disponíveis durante a inicialização. recomenda-se instalar o Console de Recuperação em servidores importantes e nas estações de trabalho da equipe de TI. Este artigo descreve como instalar o Console de Recuperação no seu computador baseado no Windows XP. Para instalar o Console de Recuperação, você deve estar conectado como administrador.

Embora você possa executar o Console de Recuperação iniciando diretamente a partir do CD do Windows XP, costuma ser mais prático configurá-lo como opção de inicialização no seu menu de inicialização. Para executar o Console de Recuperação diretamente do CD, consulte a seção "Como usar o Console de Recuperação".

Para instalar o Console de Recuperação, realize as seguintes etapas:
  1. Insira o CD do Windows XP na unidade de CD.
  2. Clique em Iniciar e em Executar.
  3. Na caixa Abrir, digite d:\i386\winnt32.exe /cmdcons, onde d é a letra da unidade de CD. No Microsoft Windows XP Professional x64 Edition, digite d:\amd64\winnt32.exe /cmdcons, onde d é a letra da unidade de CD.
  4. Uma caixa de diálogo de Configuração do Windows aparecerá. A caixa de diálogo de Configuração do Windows descreve a opção Console de Recuperação. Para confirmar a instalação, clique em Sim. (A captura de tela para esta etapa está listada abaixo).
    Recolher esta imagemExpandir esta imagem
    2915957
  5. Reinicie o computador. Na próxima vez em que iniciar o computador, "Console de Recuperação do Microsoft Windows" aparecerá no menu de inicialização. (A captura de tela para esta etapa está listada abaixo).
    Recolher esta imagemExpandir esta imagem
    2915958
Você também pode usar uma conexão UNC (convenção de nomenclatura universal) para instalar o Console de Recuperação a partir de um ponto de compartilhamento da rede.

Observação Pode ser exibida uma mensagem de erro semelhante a esta:
A Instalação não pode continuar porque a versão do Windows do seu computador é mais recente que a versão do CD.
Se ocorrer esse problema, clique no número abaixo para ler o artigo na Base de Dados de Conhecimento Microsoft:
898594 Uma mensagem de erro é exibida ao tentar instalar o Console de Recuperação em um computador com o Microsoft Windows XP Service Pack 2

Como usar o Console de Recuperação

É possível habilitar e desabilitar serviços, formatar unidades, ler e gravar dados em unidades locais (incluindo unidades formatadas para usar o sistema de arquivos NTFS) e realizar várias outras tarefas administrativas. O Console de Recuperação é muito útil caso seja necessário reparar o computador copiando um arquivo de um disco ou CD-ROM para o disco rígido ou caso seja necessário reconfigurar um serviço que impeça o computador de iniciar corretamente.

Se não for possível iniciar o Windows, você poderá executar o Console de Recuperação pelos discos de inicialização do Windows XP ou pelo CD-ROM do Windows XP.

Depois de instalar o Windows XP no seu computador, inicie o computador e use o Console de Recuperação Os discos de instalação do Windows XP ou o CD-ROM do Windows XP são necessários.

Para obter informações adicionais sobre como criar discos de Inicialização para o Windows XP (eles não estão incluídos no Windows XP), clique no número abaixo para ler o artigo na Base de Dados de Conhecimento Microsoft:
310994 Obtendo discos de inicialização da Instalação do Windows XP
Observação Para iniciar o computador pelo CD-ROM do Windows XP, você deve configurar o BIOS do computador para iniciar pelo CD-ROM.

Para executar o Console de Recuperação a partir dos discos de inicialização do Windows XP ou do CD-ROM do Windows XP, realize as seguintes etapas:
  1. Insira o disco de inicialização do Windows XP na unidade de disquete ou insira o CD-ROM do Windows XP na unidade de CD e reinicie o computador.

    Selecione todas as opções necessárias para iniciar o computador pela unidade de CD, caso seja solicitado.
  2. Quando a tela "Bem-vindo à Instalação" for exibida, pressione R para iniciar o Console de Recuperação.
  3. Se você tiver um computador de inicialização dupla ou inicialização múltipla, selecione a instalação que você deve acessar a partir do Console de Recuperação.
  4. Quando for solicitado, digite a senha de Administrador. Se a senha de administrador estiver em branco, basta pressionar ENTER.
  5. No prompt de comando, digite os comandos adequados para diagnosticar e reparar a instalação do Windows XP.

    Para obter uma lista de comandos disponíveis no Console de Recuperação, digite recovery console commands ou help no prompt de comando e pressione ENTER.

    Para obter informações adicionais sobre um comando específico, digite helpnome do comando no prompt de comando e pressione ENTER.
  6. Para sair do Console de Recuperação e reiniciar o computador, digite exit no prompt de comando e pressione ENTER.

Como usar o prompt de comando do Console de Recuperação

Ao usar o Console de Recuperação, você trabalha em um prompt de comando especial e não no prompt de comando comum do Windows. O Console de Recuperação tem seu próprio interpretador de comandos. Para entrar nesse interpretador de comandos, o Console de Recuperação irá solicitar que você digite a senha de Administrador local.

Quando o Console de Recuperação é iniciado, você pode pressionar F6 para instalar um driver RAID ou SCSI de terceiros, caso esse tipo de driver seja necessário para acessar o disco rígido. Esse prompt funciona do mesmo modo como durante a instalação do sistema operacional.

O Console de Recuperação leva vários segundos para iniciar. Quando o menu do Console de Recuperação aparecer, será exibida uma lista numerada de instalações do Windows no computador. (Em geral, só existe c:\Windows.) Pressione um número antes de pressionar ENTER, mesmo que somente uma entrada seja exibida. Se você pressionar ENTER sem selecionar um número, o computador reiniciará e recomeçará o processo. (A captura de tela para esta etapa está listada abaixo).
Recolher esta imagemExpandir esta imagem
2915959

Ao visualizar o prompt para %SystemRoot% (geralmente C:\Windows), você pode começar a usar os comandos disponíveis para o Console de Recuperação.

Ações de comandos

 
Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding start collapsed
A seguinte lista descreve os comandos disponíveis para o Console de Recuperação
  • Attrib altera atributos em um arquivo ou subdiretório.
  • Batch executa comandos especificados no arquivo de texto Inputfile. O Outputfile contém a saída dos comandos. Se você omitir o parâmetro Outputfile, a saída aparecerá na tela.
  • Bootcfg modifica o arquivo Boot.ini para configuração e recuperação de inicialização.
  • CD (Chdir) opera somente nos diretórios do sistema da instalação atual do Windows, mídias removíveis, diretório raiz de qualquer partição do disco rígido ou origens da instalação local.
  • Chkdsk A opção /p executa o Chkdsk mesmo que não haja sinalização de erro na unidade. A opção /r localiza setores defeituosos e recupera informações legíveis. Essa opção implica em /p. O Chkdsk requer o Autochk. O Chkdsk procura automaticamente o Autochk.exe na pasta de inicialização. Se o Chkdsk não encontrar o arquivo na pasta de inicialização, procurará o CD-ROM de Instalação do Windows 2000. Se o Chkdsk não encontrar o CD-ROM de instalação, solicitará que o usuário localize o arquivo Autochk.exe.
  • Cls limpa a tela.
  • Copy copia um arquivo para um local de destino. Por padrão, o destino não pode ser uma mídia removível e não é possível usar caracteres curinga. Quando um arquivo compactado do CD-ROM de Instalação do Windows 2000 é copiado ele é automaticamente descompactado.
  • Del (Delete) exclui um arquivo. Opera somente nos diretórios do sistema da instalação atual do Windows, mídias removíveis, diretório raiz de qualquer partição do disco rígido ou origens da instalação local. Por padrão, não é possível usar caracteres curinga.
  • Dir exibe uma lista de todos os arquivos, incluindo arquivos de sistema e ocultos.
  • Disable desabilita um serviço ou driver do Windows. A variável serviço_ou_driver é o nome do serviço ou driver que você deseja desabilitar. Quando você usar esse comando para desabilitar um serviço, o comando exibirá o tipo de inicialização original do serviço antes de alterá-lo para SERVICE_DISABLED. Observe o tipo de inicialização original para poder usar o comando enable para reiniciar o serviço.
  • Diskpart gerencia partições nos volumes do disco rígido. A opção /add cria uma partição nova. A opção /delete exclui uma partição existente. A variável dispositivo é o nome do dispositivo para uma nova partição (por exemplo, \dispositivo\discorigido0). A variável unidade é a letra de unidade para uma partição que esteja sendo excluída (por exemplo, D). Partição é o nome com base na partição de uma partição que esteja sendo excluída, (por exemplo: \dispositivo\discorigido0\particao1) e pode ser usada em vez da variável unidade. A variável tamanho é o tamanho, em megabytes, de uma nova partição.
  • Enable habilita um serviço ou driver do Windows. A variável serviço_ou_driver é o nome do serviço ou driver que você deseja habilitar e tipo_de_inicialização é o tipo de inicialização de um serviço habilitado. O tipo de inicialização usa um dos seguintes formatos:
    SERVICE_BOOT_START
    SERVICE_SYSTEM_START
    SERVICE_AUTO_START
    SERVICE_DEMAND_START
  • Exit fecha o Console de Recuperação e reinicia o computador.
  • Expand expande um arquivo compactado. A variável origem é o arquivo que você deseja expandir. Por padrão, não é possível usar caracteres curinga. A variável destino é o diretório para o novo arquivo. Por padrão, o destino não pode ser uma mídia removível e não pode ser somente leitura. É possível usar o comando attrib para remover o atributo somente leitura do diretório de destino. A opção /f:filespec é obrigatória quando a origem contém mais de um arquivo. Essa opção permite caracteres curinga. A opção /y desabilita o prompt de confirmação de substituição. A opção /d especifica que os arquivos não serão expandidos e exibe um diretório dos arquivos na origem.
  • Fixboot grava um setor de inicialização novo na partição do sistema.
  • Fixmbr repara o código mestre de inicialização da partição de inicialização. A variável dispositivo é um nome opcional que especifica o dispositivo que requer um novo MBR (registro mestre de inicialização). Omita essa variável quando o destino for o dispositivo de inicialização.
  • Format formata um disco. A opção /q realiza uma formatação rápida. A opção /fs especifica o sistema de arquivos.
  • Help Se você não usar a variável comando para especificar um comando, help listará todos os comandos compatíveis com o Console de Recuperação.
  • Listsvc exibe todos os serviços e drivers disponíveis no computador.
  • Logon exibe instalações do Windows detectadas e solicita a senha de Administrador local para essas instalações. Use esse comando para mover para outra instalação ou subdiretório.
  • Map exibe os mapeamentos de dispositivos atualmente ativos. Inclua a opção arc para especificar o uso de caminhos ARC (Advanced RISC Computing), o formato do Boot.ini, em vez de caminhos de dispositivo do Windows.
  • MD (Mkdir) opera somente nos diretórios do sistema da instalação atual do Windows, mídias removíveis, diretório raiz de qualquer partição do disco rígido ou origens da instalação local.
  • More/Type exibe o arquivo de texto especificado na tela.
  • Rd (Rmdir) opera somente nos diretórios do sistema da instalação atual do Windows, mídias removíveis, diretório raiz de qualquer partição do disco rígido ou origens da instalação local.
  • Ren (Rename) opera somente nos diretórios do sistema da instalação atual do Windows, mídias removíveis, diretório raiz de qualquer partição do disco rígido ou origens da instalação local. Não é possível especificar uma nova unidade ou caminho como destino.
  • Set exibe e define as variáveis de ambiente do Console de Recuperação.
  • Systemroot define o diretório atual para %SystemRoot%.
Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding end collapsed

Regras do Console de Recuperação

Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding start collapsed
Várias regras de ambiente estão em vigor quando você trabalha no Console de Recuperação. Digite set para ver o ambiente atual. Por padrão, estas são as regras:
  • AllowAllPaths = FALSE impede o acesso a diretórios e subdiretórios fora da instalação do sistema, selecionados quando você entrou no Console de Recuperação.
  • AllowRemovableMedia = FALSE impede o acesso a mídias removíveis como destino para arquivos copiados.
  • AllowWildCards = FALSE impede suporte a curinga para comandos como copy e del.
  • NoCopyPrompt = FALSE significa que o Console de Recuperação solicitará que você faça a confirmação ao substituir um arquivo existente.
Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding end collapsed

Como excluir o Console de Recuperação

Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding start collapsed
Para excluir o Console de Recuperação:
  1. Reinicie o computador, clique em Iniciar, em Meu Computador e clique duas vezes no disco rígido em que você instalou o Console de Recuperação.
  2. No menu Ferramentas, clique em Opções de Pasta e clique na guia Modo de Exibição.
  3. Clique em Mostrar pastas e arquivos ocultos, desmarque a caixa de seleção Ocultar arquivos protegidos do sistema operacional e clique em OK.
  4. Na pasta raiz, exclua a pasta Cmdcons e o arquivo Cmldr.
  5. Na pasta raiz, clique com o botão direito do mouse no arquivo Boot.ini e clique em Propriedades.
  6. Desmarque a caixa de seleção Somente leitura e clique em OK.

    Aviso: Se o arquivo Boot.ini for modificado incorretamente, o computador poderá não reiniciar. Exclua apenas a entrada para o Console de Recuperação. Além disso, altere o atributo do arquivo Boot.ini de volta ao estado somente leitura após concluir esse procedimento. Abra o arquivo Boot.ini no Bloco de Notas do Microsoft Windows e remova a entrada para o Console de Recuperação. Ela é semelhante a esta:
    C:\cmdcons\bootsect.dat="Microsoft Windows Recovery Console" /cmdcons
  7. Salve e feche o arquivo.
Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding end collapsed

Como instalar o Console de Recuperação durante uma instalação autônoma

Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding start collapsed
Para instalar o Console de Instalação durante a instalação autônoma do Windows, é necessário usar a seção [GuiRunOnce] do arquivo unattend.txt.
Command1="path\winnt32 /cmdcons /unattend"
Para obter mais informações sobre como usar o arquivo Unattend.txt, consulte o Guia de Planejamento de Implantação do Windows 2000 Server Resource Kit.
Recolher esta imagemExpandir esta imagem
assets folding end collapsed

Referências

É possível usar a Diretiva de Grupo para alterar as regras e expandir seu poder no Console de Recuperação.

Para obter mais informações sobre como fazer isso, clique no número abaixo para ler o artigo na Base de Dados de Conhecimento Microsoft:
310497 Como usar Diretivas de Grupo para dar maior poder ao Console de Recuperação

Para obter mais informações sobre o Console de Recuperação do Windows XP, clique no número abaixo para exibir o artigo na Base de Dados de Conhecimento Microsoft:
314058 Descrição do Console de Recuperação do Windows XP para usuários avançados

Propriedades

ID do artigo: 307654 - Última revisão: terça-feira, 3 de dezembro de 2013 - Revisão: 12.0
A informação contida neste artigo aplica-se a:
  • Microsoft Windows XP Professional
  • Microsoft Windows XP Home Edition
Palavras-chave: 
kbhowto kbcip KB307654

Submeter comentários

 

Contact us for more help

Contact us for more help
Connect with Answer Desk for expert help.
Get more support from smallbusiness.support.microsoft.com