O que mudou no Explorador de Ficheiros

Tal como o vinho do Porto, o Explorador de Ficheiros melhorou com a idade. Para o experimentar no Windows 10, selecione o respetivo ícone na barra de tarefas ou no menu Iniciar, ou prima a tecla do logótipo do Windows

ícone de logótipo do Windows
+ E no teclado.

Explorador de Ficheiros na barra de tarefas

Aqui estão algumas mudanças importantes para o Windows 10:

  • O OneDrive faz agora parte do Explorador de Ficheiros. Para uma rápida perceção sobre como funciona, consulte OneDrive no seu PC.

  • Quando o Explorador de Ficheiros abrir, será encaminhado para o Acesso rápido. As pastas utilizadas com frequência e os ficheiros utilizados recentemente são aí listados, para que não tenha de procurar numa série de pastas para os encontrar. Afixe as suas pastas favoritas no Acesso rápido para as manter acessíveis. Para obter mais informações, consulte Afixar, remover e personalizar no Acesso rápido.

    Acesso rápido no Explorador de Ficheiros

  • Agora, pode utilizar aplicações para partilhar ficheiros e fotografias diretamente de Explorador de Ficheiros. Selecione os ficheiros que pretende partilhar, aceda ao separador Partilhar, selecione o botão Partilhar e, em seguida, escolha uma aplicação. Para saber mais sobre as opções de partilha, consulte Partilhar ficheiros no Explorador de Ficheiros.

Se utilizava o Windows 7, aqui ficam mais algumas diferenças:

  • O Meu Computador tem agora a designação Este PC e não aparecerá no ambiente de trabalho por predefinição. Para descobrir como adicionar Este PC ao seu ambiente de trabalho ou ao menu Iniciar, consulte O Meu Computador agora é Este PC.

  • As bibliotecas não aparecerão no Explorador de Ficheiros, a menos que assim pretenda. Para as adicionar ao painel do lado esquerdo, selecione o separador Ver > Painel de navegação > Mostrar bibliotecas.

    Mostrar bibliotecas no Explorador de Ficheiros

Propriedades

ID do Artigo: 17217 - Última Revisão: 02/08/2016 - Revisão: 5

Comentários