Resumo

Manter seus servidores Exchange atualizados (e manter sua infraestrutura atualizada) é mais importante do que nunca. É por isso que recomendamos que os clientes sempre instalem as atualizações mais recentes do Exchange Server. Sabemos que a atualização de software pode ser onerosa, por isso estamos continuamente procurando maneiras de melhorar a experiência de atualização do Exchange Server para ajudar os clientes a se atualizarem e se manterem atualizados.

Hoje, temos o prazer de anunciar que fizemos alterações na maneira como entregamos SUs (Atualizações de Segurança) e HFs (Hotfixes) para o Exchange Server. Essas alterações resolvem o maior problema que os clientes enfrentam ao atualizar - instalar atualizações com permissões insuficientes e, como resultado, possivelmente deixar o Exchange server em mau estado.

Historicamente, as SUs do Exchange Server foram empacotadas como arquivos de patch do Windows Installer (.msp), que são pacotes autônomos contendo as informações necessárias para atualizar o aplicativo. Um requisito do uso de arquivos .msp é que eles devem ser instalados usando permissões elevadas.

A instalação de arquivos .msp acontece no contexto de segurança da conta usada para instalar a atualização. Se o UAC (Controle de Conta de Usuário) estiver ativado (o que recomendamos fortemente) e você instalar manualmente a atualização clicando duas vezes no arquivo .msp, o processo de instalação será executado em um modo não elevado, o que geralmente resulta em um estado de servidor ruim. Por esse motivo, a cada versão da SU, lembramos aos administradores de instalar a atualização a partir de um prompt de comandos com privilégios elevados.

A partir do lançamento da SU em maio de 2022, agora enviaremos SUs e hotfixes em dois pacotes diferentes:

  • Arquivo de patch do Windows Installer (.msp), que funciona melhor para instalações automatizadas

  • Instalador autoextraível e com elevação automática (.exe), que funciona melhor para instalações manuais

Continuaremos a liberar o arquivo .msp por meio do Windows Update e do Catálogo do Microsoft Update. Para administradores que instalam atualizações manualmente, o novo pacote .exe é a melhor opção.

Observação: Esta nova embalagem é apenas para SUs e hotfixes. Não se aplica a CUs (Atualizações Cumulativas) ou IUs (Atualizações Provisórias). As CUs já verificam as permissões adequadas antes de permitir que a Instalação prossiga.

Problemas conhecidos

Ao tentar executar o pacote EXE, você pode receber uma mensagem de erro semelhante à seguinte:

ERRO: a Instalação do Exchange não conseguiu extrair o conteúdo do arquivo de patch. Mais informações: Não foi possível encontrar uma parte do caminho "C:\Users\<USER>\AppData\Application\Temp\Exchangeserver.msp"

Esse problema pode ocorrer se a pasta %temp% não existir no sistema. A pasta %temp% existe por padrão, mas pode ter sido removida.

Para contornar esse problema, crie uma pasta chamada "Temp" no seguinte local (onde <USER> é o nome de usuário no caminho %USERPROFILE%:

C:\Users\<USER>\AppData\Application\

Sobre o Pacote EXE

O pacote EXE é um wrapper para o arquivo .msp que garante que a instalação seja executada com as permissões necessárias. Para instalar a atualização, basta clicar duas vezes no arquivo .exe e seguir as instruções. O processo de instalação verifica os pré-requisitos de permissão e, se a verificação falhar, tentará elevar as permissões para o nível de administrador necessário:

  • Se a elevação não for bem-sucedida, a instalação será interrompida sem fazer alterações no Exchange server.

  • Se a elevação for bem-sucedida (ou se as permissões de administração adequadas já estiverem em uso), o pacote extrairá o arquivo .msp para a pasta temporária do usuário atual e iniciará o processo de instalação.

Se a instalação foi bem-sucedida ou não, o pacote também executará a limpeza excluindo os arquivos temporários extraídos.

Registro de Instalação

O pacote .exe registra automaticamente o processo de instalação, incluindo informações superdetalhadas e de depuração. Isso permite que os logs sejam usados para solucionar problemas de instalações com falha.

Veja como o registro funciona:

  1. O pacote consulta o valor de registro"MsiInstallPath" em HKEY_LOCAL_Machine\SOFTWARE\Microsoft\ExchangeServer\v15\Setup para determinar o caminho de instalação do Exchange Server

  2. Ele cria uma subpasta sob o diretório Registro chamado Atualização e nessa pasta, mais duas subpastas: msi e exe

  3. Os arquivos de log são então gravados nessas duas pastas neste formato:
    ExchangeAtualização_{yyyy-MM-dd-HHmmss}.log

A pasta exe contém arquivos de log que são gerados pelo wrapper .exe, a pasta msi contém logs superdetalhados e de depuração, gerados pelo processo msiexec durante o processamento do pacote .msp.

Captura de tela das pastas exe e msi

Tratamento de Erro

Se o instalador não conseguir determinar o caminho de instalação do Exchange Server, os logs serão gravados nas subpastas msi e exe em %temp%\Exchange Update\Logging.

Se o instalador não conseguir gravar nos arquivos de log, ele registrará uma exceção no log de eventos Aplicativo. Se você não encontrar nenhum arquivo de log relacionado à instalação de uma SU ou HF do Exchange Server, verifique o log de eventos do Aplicativo para eventos com o instalador de SU do Exchange como a Origem do Evento. Esses eventos devem indicar por que os logs não puderam ser escritos.

Estes são os eventos mais comuns sendo registrados pelo wrapper exe:  

Entrada de log (o que registramos)

Descrição (o que significa)

INFORMAÇÃO: copiando arquivos temporários para {0}.

O arquivo .msp temporário está sendo copiado para uma pasta temporária.

INFORMAÇÃO: excluindo de arquivos temporários {0}.

O arquivo .msp ajustado foi excluído antes/depois da instalação.

INFORMAÇÃO: a Atualização do Exchange Server está sendo instalada.

Acontece quando a instalação do arquivo .msp é iniciada.

CONCLUÍDO: a Atualização do Exchange Server foi instalada com sucesso.

A atualização do Exchange Server foi instalada com sucesso.

ERRO: não foi possível localizar os arquivos extraídos em {0}.

O arquivo .msp ajustado não foi encontrado e, portanto, a instalação falhou.

AVISO: a Atualização do Exchange Server requer uma reinicialização para concluir a instalação.

A instalação foi bem-sucedida e uma reinicialização está pendente para concluir o processo.

ERRO: a Instalação do Exchange não conseguiu extrair o conteúdo do arquivo de patch. Mais informações: {0}.

Ocorreu um problema durante a extração do arquivo .msp temporário. Uma mensagem de exceção também será registrada.

ERRO: ao instalar a Atualização do Exchange Server, ocorreu o erro {0}.

Ocorreu um erro durante a instalação. O código de erro será registrado.

Uso da Linha de Comando

O novo pacote de atualização suporta os seguintes parâmetros de linha de comando, que podem ser usados para instalar essas atualizações do Exchange no modo autônomo ou como parte de sua própria automação.

Parâmetro

Descrição

Equivalente Msiexec

/passive

Especifica o modo autônomo onde a instalação mostra apenas uma barra de progresso.

Observação: Se uma reinicialização for necessária para a atualização, usar essa opção reiniciará o servidor automaticamente.  

msiexec /p filename.msp /passive /l*vx

/silent

Especifica o modo silencioso - sem interação do usuário necessária.

Observação: Se uma reinicialização for necessária para a atualização, usar essa opção reiniciará o servidor automaticamente.

msiexec /p filename.msp /quiet /l*vx

/forcereboot

Instala a atualização e reinicia o computador somente se necessário.

msiexec /p filename.msp /l*vx

shutdown.exe /r /t 0

/help

Mostra todos os parâmetros disponíveis.

msiexec /help

Observação: Mesmo que o instalador não solicite uma reinicialização, é altamente recomendável reiniciar o servidor após a instalação. 

Esperamos que você ache que o novo pacote de atualização .exe melhora sua experiência de atualização do Exchange Server e torne mais fácil para você se manter atualizado.

Precisa de mais ajuda?

Expanda suas habilidades
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Microsoft Insider

Essas informações foram úteis?

Qual é o seu grau de satisfação com a qualidade do idioma?
O que afetou sua experiência?

Obrigado pelos seus comentários!

×